Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Projetando 2011, Vasco não deve investir muito

Prioridade é a manutenção da base do atual Brasileirão, com a chegada de reforços apenas pontuais

Gazeta Esportiva |

Apesar da frágil campanha no Campeonato Brasileiro, sem ter conseguido vaga para a próxima Copa Libertadores, o Vasco não deverá ter investimentos altos na formação de seu elenco para o primeiro semestre de 2011, quando vai disputar o Campeonato Carioca e a Copa do Brasil. Sem muito dinheiro em caixa, a criatividade vai ser a principal arma do departamento de futebol, que tem como prioridade a manutenção da base do atual Brasileirão, com a chegada de reforços apenas pontuais.

Com a permanência de Rodrigo Caetano, supervisor do departamento de futebol, a formação do elenco começou a ser montada há duas semanas, quando o time afastou qualquer risco de queda no Brasileirão. Das principais estrelas da companhia, os meias Carlos Alberto e Felipe têm contrato de longa duração, enquanto o apoiador Zé Roberto, emprestado pelo Schalke 04, da Alemanha, tem vínculo até o meio do próximo ano. O goleiro Fernando Prass, o zagueiro Dedé e o volante Rômulo, que também se destacaram em 2010 e tinham contrato por se encerrar em dezembro, já renovaram o vínculo.

A prioridade então passa a ser a permanência do atacante Éder Luís, que tem o contrato em vigor somente até junho e já desperta o interesse de vários outros clubes do futebol brasileiro. Nos corredores de São Januário circula a informação de que Palmeiras e Grêmio pretendem contar com o atleta para a próxima temporada e fariam uma investida antes mesmo de acabar o vínculo com o Vasco. O clima entre os dirigentes vascaínos, porém, é de otimismo.

"É natural que o Vasco se esforce no sentido de manter o Éder Luís em São Januário, pois ele teve um bom Campeonato Brasileiro e se adaptou ao nosso clube. Estamos tratando desta questão com a seriedade que ela exige", disse Roberto Dinamite, presidente do Vasco.

Éder Luís, que marcou 25 gols com a camisa do Vasco e está na final do prêmio Melhores do Brasilerão na categoria atacante, tem seus direitos federativos ligados ao Benfica, de Portugal.

Se a diretoria se esforça para manter os jogadores que se destacaram com a camisa do time em 2010, na próxima semana deverá sair de São Januário uma barca com nomes que fracassaram atuando pelo Vasco na atual temporada. Os nomes estão sendo mantidos em sigilo para evitar uma maior desvalorização e em respeito aos atletas, que serão os primeiros a serem comunicados.

Da lista de dispensados deverão fazer parte nomes como o zagueiro Titi, o lateral esquerdo Ernani, o meia Fumagalli e os atacantes Rafael Coelho e Nunes. Além disso, o clube de São Januário ainda vai analisar a situação de atletas emprestados a outros clubes e que retornarão no fim do ano. O primeiro a sair foi o volante Rafael Carioca, que pediu para ser liberado dos dois últimos jogos do Campeonato Brasileiro para procurar um novo clube, pois não vai ficar no Vasco e não pretende voltar para o Spartak de Moscou, da Rússia, dono de seus direitos federativos.

O Vasco ainda vai estudar a situação dos jogadores que estão emprestados a outros clubes e retornarão no fim do ano, devendo estar presentes na reapresentação do elenco, prevista para 3 de janeiro. Se encontram nesta situação, por exemplo, o volante Léo Gago e o meia Enrico, que estão no Coritiba, e o atacante Rodrigo Pimpão, atualmente no Paraná Clube. Desses, o que tem mais chance de ser aproveitado é Léo Gago, que vem ganhando muitos elogios do técnico Paulo César Gusmão e foi um dos principais destaques do Coxa na conquista do título da Série B do Campeonato Brasileiro.

Dentro de campo o elenco participou de um treino nesta manhã de quarta-feira, debaixo de um forte calor, em São Januário, local do último jogo pelo Campeonato Brasileiro, previsto para domingo, às 17h (horário de Brasília), diante do Ceará. Os jogadores fizeram uma atividade física e um trabalho de defesa contra ataque. Liberado para resolver problemas particulares, Carlos Alberto sequer apareceu no clube, mas não preocuopa para o duelo contra os cearenses. O Vasco precisa de um empate para garantir vaga na próxima Copa Sul-Americana.

Leia tudo sobre: vasco

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG