Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Procurador de Leandro Euzébio espera prorrogar contrato com Flu

Anselmo Paiva revelou que não foi procurado pela diretoria do clube para prorrogar o contrato do zagueiro

Gazeta |

Um dos destaques do título Brasileiro de 2010, o zagueiro Leandro Euzébio segue com o futuro indefinido no Fluminense. Mesmo fazendo a pré-temporada junto com o grupo tricolor na cidade de Mangaratiba, o empresário do atleta, Anselmo Paiva, revelou que ainda não foi procurado pela diretoria tricolor para prorrogar o contrato do atleta, que termina no final desta temporada.

"Nós tivemos uma boa reunião com o vice de futebol do clube, Alcides Antunes, semana passada para prorrogar o contrato, mas teve uma pendência pra resolver. Por causa da chegada dos reforços, as coisas ficaram pra se resolver mais à frente, mas acredito que até segunda feira as coisas serão esclarecidas", disse, em entrevista à Rádio Brasil.

Sobre uma possível ida do atleta para outra equipe, Anselmo revelou que a chance de Leandro Euzébio disputar a temporada em outro time brasileiro é nula. "Ele tem contrato até dezembro deste ano e tem uma multa para clubes do Brasil e outra pro exterior. A possibilidade dele atuar em outro clube aqui é quase impossível. Não é só o lado financeiro, mas a perspectiva de cada clube. O Leandro Euzébio está no melhor momento da carreira no Fluminense", avaliou o empresário, que não descartou uma possível ida do atleta para o futebol exterior.

"Com relação ao exterior, já é um outro assunto. Ele tem 29 anos, possui família e precisa pensar no futuro. Surgiu uma proposta de um clube japonês , mas falta colocar isso no papel, formalizar. Isso está pendente", avisou. Para acalmar o torcedor tricolor, Alcides acredita que a novela envolvendo a prorrogação do contrato de Leandro Euzébio com o Fluminense terá um final feliz.

"A ansiedade é tanto do atleta como minha também. São situações que dependem da diretoria do Flu e do patrocinador. Tem outras prioridades e a gente acaba ficando em segundo plano, mas acredito que depois de solucionar a situação do Souza, do Araújo e do Edinho, a gente vai chegar a um denominador comum", finalizou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG