Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Problema em 2011, pontaria continua preocupando o São Paulo

Leão abusa do treino de finalizações e aproveitamento decepciona. Luis Fabiano é o destaque com cinco gols

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Divulgação
O atacante Fernandinho também treinou finalizações nesta quarta-feira
Diante da observação atenta dos garotos da base são-paulina em Cotia, o técnico Émerson Leão deixou clara qual é uma de suas principais preocupações para melhorar o desempenho do São Paulo em 2012: a pontaria. Na tarde desta quarta-feira, a principal atividade durante o treinamento no CFA (Centro de Formação de Atletas) foi o treinamento de finalização.

Leia mais: Tre inos de finalização não definem ataque do SP para o Paulista

Depois de alguns minutos de treinos de fundamento, especialmente passes, o treinador dividiu o grupo e, enquanto uma parte do elenco fazia trabalho físico e de fundamentos sob o comando dos preparadores físicos, a outra parte abusou dos chutes contra os goleiros Rogério Ceni, Dênis, Léo e Leonardo.

Veja ainda: São Paulo perde para o Barueri e está fora da Copa SP

Embora os jogadores tivessem liberdade para carregar a bola e chutar de dentro da grande área (algumas vezes até à frente da marca do pênalti), o aproveitamento foi baixo. Em 97 chutes na primeira série, apenas 21 bolas encontraram as redes. Ou seja, pouco mais de 21% de acertos. O primeiro gol, por exemplo, marcado por Rhodolfo, só foi feito no 14º chute.

E mais: Leão promete escalar São Paulo com até quatro jogadores de ataque

O zagueiro, aliás, foi um dos melhores atacantes na atividade comandada por Leão, marcando três gols, assim como o meia Lucas. Melhor que eles, apenas Luis Fabiano, que demorou para fazer o primeiro, mas se recuperou e marcou cinco. Willian José, Rafinha e Wellington marcaram dois cada. Fernandinho, Casemiro, Edson Silva e Maicon, um cada. E os laterais Piris e Henrique Miranda passaram em branco.

Depois dessa primeira série, Leão continuou treinando conclusões, mas com diferentes desafios, como bolas jogadas ao alto para dificultar o domíno. No final, revezou os grupos, mas o aproveitamento não teve melhora. O São Paulo continua treinando em Cotia até o final da próxima semana e estreia na temporada no dia 22, contra o Botafogo de Ribeirão Preto, pelo Campeonato Paulista.

Leia tudo sobre: são pauloemerson leãoluis fabianorhodolfo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG