Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Primeira invasão internacional empurra o Corinthians na Libertadores

Dos 28 mil ingressos colocados à venda para o jogo contra o Nacional, no Paraguai, 25 mil foram reservados para a torcida do Corinthians

João Pontes, iG São Paulo |

Jogar fora do país na Copa Libertadores nunca foi tarefa fácil para os times brasileiros, principalmente pela pressão da torcida adversária e o clima hostil da competição. No entanto, nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), contra o Nacional, no Paraguai, o Corinthians vai encontrar um clima completamente diferente. Em ampla maioria, os torcedores do campeão brasileiro irão promover sua primeira grande invasão internacional e transformar o Estádio Três de Febrero em uma extensão do Pacaembu. 

VEJA IMAGENS DA INVASÃO CORINTIANA DE 1976, A MAIOR DA HISTÓRIA DO FUTEBOL

Gazeta Press
Mais de 70 mil torcedores do Corinthians foram ao Maracanã

Nesta quarta-feira, mais de 20 mil corintianos devem estar no Paraguai para apoiar o time, que precisa de um empate para garantir vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores. Dos 28 mil ingressos colocados à venda, 25 mil foram disponibilizados para a torcida do time brasileiro.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A maior invasão corintiana na história foi em 1976, quando mais de 70 mil torcedores do time paulista foram ao Rio de Janeiro para ver o jogo contra o Fluminense, pela semifinal do Campeonato Brasileiro.

Leia mais: Corinthians é recebido com festa de torcedores em Foz do Iguaçu

Por uma renda maior, o Nacional transferiu a partida da capital Assunção para Ciudad del Este, na divisa com o Brasil - o estádio fica a pouco mais de 4km de Foz do Iguaçu, no Paraná.

Mesmo com o ingresso mais barato para a torcida do Corinthians sendo vendido por R$ 95, o estádio deve receber grande público. Segundo a empresa que organiza a partida, mais de 15 mil entradas já foram comercializadas.

Veja também: Respeitoso, Ralf admite que não tem acompanhado tanto o Nacional

“Os corintianos estão em todos os lugares. Se liberarem o estádio inteiro, a nossa torcida vai lotar. Isso é muito bom. A presença da torcida será importante”, disse o goleiro Júlio César.

Em competições internacionais, a maior invasão da torcida do Corinthians foi na final do Mundial de Clubes. Em 2000, cerca de 28 mil fanáticos foram ao Maracanã e vibraram com a conquista do maior título da história do clube.

Entre para a torcida virtual do Corinthians: 

Leia tudo sobre: CorinthiansCopa Libertadoresinvasão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG