Equipes estarão desfalcadas de suas principais estrelas. Lucas e Valdivia levaram o terceiro cartão amarelo e estão suspensos

Felipão quebra a cabeça com os desfalques na equipe
AE
Felipão quebra a cabeça com os desfalques na equipe
O estádio do Morumbi recebe neste domingo, a partir das 16h (de Brasília), um clássico que promete ser bastante tenso. Contando Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana, o São Paulo não vence há três partidas, enquanto o Palmeiras vem de cinco jogos sem saber o que é triunfo. Por isso, as equipes entram em campo cautelosas, mas ao mesmo tempo com a necessidade de fazer o resultado.

Siga o iG São Paulo e o iG Palmeiras no Twitter

Para piorar a situação, os dois times têm desfalques importantes. Pelo lado são-paulino, Lucas é ausência certa. Ele levou o terceiro cartão amarelo contra o América-MG e está suspendo. No Palmeiras, Valdivia também acumulou advertências e não poderá entrar em campo. O alviverde ainda não poderá contar com o lateral esquerdo Gerley e com o zagueiro Thiago Heleno, também suspensos.

O técnico Adilson Batista só deverá revelar o substituto de seu camisa 7 momentos antes do duelo, mas Fernandinho e Marlos são os mais cotados. "Parecido com o Lucas no elenco eu não vejo. É um jogador talentoso. A gente pode criar uma alternativa até pelo jeito que o adverário joga", disse o comandante são-paulino.

Se existe dúvida no setor ofensivo, a defesa, que era um problema recente do São Paulo, parece ter se acertado. Rhodolfo e Xandão devem ser mantidos na equipe titular, enquanto João Filipe retorna de suspensão e fica à disposição. Rhodolfo, aliás, que espera por muita dificuldade no clássico deste domingo.

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide os amigos

"Tenho certeza que o Palmeiras vem com tudo, até porque eles vêm de resultados ruins, eles vão dar a vida contra a gente. Temos que ter o foco de campeão, mas a gente fica nervoso por empatar assim (jogo contra o América-MG). Não podemos chorar e vamos pensar no Palmeiras", avisou o camisa 4.

No Palmeiras, que não derrota o São Paulo dentro do Morumbi há 9 anos - ou 17 partidas -, os substitutos dos suspensos devem ser Chico, Patrik e Leandro Amaro. Felipão, no entanto, ainda não tem 100% de certeza das alteração e também conta com dois nomes que correm por fora para o jogo. Rivaldo e Tinga formam o plano B do comandante para a lateral equerda e o meio. 

Felipão quebra a cabeça com os desfalques na equipe
AE
Felipão quebra a cabeça com os desfalques na equipe
Além deles, Dinei e Maurício Ramos também estão fora. Com um estiramento na coxa, o atacante deve ficar fora por até 60 dias e será substituído, sem dúvida, por Maikon Leite, o melhor atleta do empate contra o Bahia por 1 a 1. Já o zagueiro também tem um problema muscular e nem foi relacionado.

“É uma sequência muito difícil, mas quem está no Palmeiras tem que estar preparado para essa pressão. Estamos com a cabeça erguida para conseguir ir bem e, se Deus quiser, conquistar três vitórias consecutivas”, disse o jogador, que lembrou do início da passagem no Palmeiras para ter inspiração.

“Se a fase estivesse igual quando eu cheguei, ontem (quinta-feira) eu teria feito três ou quatro gols. A fase não está fácil, mas a gente tem que vir aqui e falar quando as coisas estão boas e quando estão ruins. Assumir e pedir desculpa pelo erro. Temos que jogar da mesma maneira e torcer para a bola entrar. É procurar melhorar no treino e para acabar com essa tabu”, disse Maikon Leite.

Felipão tenta levar o jogo como se fosse mais um, mas sabe que é fundamental para espantar a crise que já está quase que instalada no Palestra Itália. "Se eu disser que é um jogo normal, é o que eu venho dizendo há muito tempo, porque tem três pontos iguais aos outros. Claro que mexe um pouco, tem rivalidade e tudo mais. Mas já hoje (quinta) perdemos três e mais o Dinei que foi por causa lesão. Quando já tem uma equipe com número mínimo, fica em desvantagem para a busca dos três pontos. É difícil enfrentar adversários assim, mas também pode ajudar a levantar a moral", lamentou.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X PALMEIRAS

Local : Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data : 21 de agosto de 2011, domingo
Horário : 16h (de Brasília)
Árbitro : Cleber Welington Abade (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marcio Luiz Augusto (ambos de SP)

SÃO PAULO : Rogério Ceni, Iván Piris, Xandão, Rhodolfo e Juan; Wellington, Carlinhos Paraíba, Cícero e Rivaldo; Fernandinho (Marlos) e Dagoberto. Técnico : Adilson Batista.

PALMEIRAS : Marcos; Cicinho, Henrique, Leandro Amaro e Chico (Rivaldo); Márcio Araújo, Marcos Assunção e Patrik (Tinga); Maikon Leite e Luan; Kleber.  Técnico : Luiz Felipe Scolari.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.