Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Pressionado, Adilson abandona rodízio e escala Elano e Neymar

Após derrota no clássico, treinador deve escalar a equipe titular no jogo contra o São Bernardo no sábado

Samir Carvalho, iG Santos |

Samir Carvalho
Neymar não será poupado contra o São Bernardo
Após a derrota no clássico diante do Corinthians no último domingo, o técnico Adilson Batista teve seu trabalho questionado por torcedores e até por dirigentes do clube nos bastidores. Pressionado por resultados, o treinador abandonou a ideia de fazer um rodízio entre os atletas e escalou Elano e Neymar na equipe titular que enfrenta o São Bernardo neste sábado, às 18h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Inicialmente, os dois principais jogadores do time seriam poupados para o duelo contra o Cerro Porteño na próxima quarta-feira, válido pela segunda rodada da Copa Libertadores da América.

Além da permanência de Elano e Neymar, o técnico também modificou o esquema tático da equipe no treino-tático realizado nesta quinta-feira, no CT Rei Pelé. Adilson trocou o esquema 4-4-2, promoveu o retorno de Zé Eduardo a equipe titular, e escalou o time com três atacantes.

Outra novidade na equipe foi a escalação do jovem Felipe Anderson entre os titulares. O iG apurou na última quarta-feira que o desgaste entre diretoria e técnico aumentou devido a ausência do atacante na lista de inscritos na Libertadores, e queria a inscrição do jogador na vaga de Robson, que assinou um pré-contrato com Avaí e deixará o Santos em maio, antes do término da competição.

“Na formação nova vamos estar mais ofensivos sim. Temos três atacantes nessa formação, e a gente fica esperando que possa acontecer o melhor e possamos fazer muitos gols neste sábado”, afirmou o lateral-direito Jonathan, que também voltará ao time após desfalcar o Santos nas últimas seis rodadas devido a um estiramento muscular na coxa esquerda.

Já Bruno Rodrigo e Adriano, outras novidades, foram escalados nas vagas de Edu Dracena e Rodrigo Possebon, que cumprem suspensão automática. Desta forma, o Santos deve enfrentar o São Bernardo neste sábado com a seguinte formação: Rafael, Jonathan (Pará), Bruno Rodrigo, Durval, Léo; Adriano, Arouca, Elano; Felipe Anderson (Diogo), Zé Eduardo e Neymar.

 

 

Leia tudo sobre: santosadilson batistaneymarelano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG