Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Preso por não pagar pensão, Zé Elias se defende: "Sou honesto"

Ex-volante de Santos e Corinthians quer uma redução no valor que precisa pagar para os seus filhos

Gazeta |

O ex-volante Zé Elias, com passagens por clubes como Santos e Corinthians , preso nesta quinta-feira pelo atraso no pagamento de pensão alimentícia a sua ex-mulher, Silvia Regina, defendeu-se antes de seguir para o 33º Distrito Policial de Vila Mangalot, em Pirituba, onde passou a última noite . Quando seguia para a viatura policial, Zé buscou se explicar, dizendo ser honesto.

"Não é a situação mais difícil [que já vivi]. Poderia ser pior se eu perdesse uma criança, um filho. Não fiz nada, não roubei, não matei, sou uma pessoa honesta", defendeu-se, em entrevista para a RedeTV!.

A dívida do ex-jogador com a mãe de seus dois filhos é de mais de R$ 1 milhão de reais. Para ele, a pensão pedida por sua ex-esposa, de cerca de R$ 25 mil, é incompatível com seus ganhos atuais, e, por isso, pede uma redução no valor.

"Não menti para desembargador, ou para juiz. O advogado da minha ex-esposa poderia apresentar o contrato milionário que ele diz que eu fiz de publicidade, de direito de imagem", bradou Zé Elias.

Atualmente desempregado, Zé Elias chegou a tentar uma carreira como comentarista, porém, não teve sucesso. Apesar do imbróglio com sua ex-esposa, ele deixou claro que nada muda em sua relação com os dois filhos. "Eu estou sempre do lado deles, não tem problema nenhum. A porta da minha casa está sempre aberta para eles quando eles quiserem vir", finalizou o ex-jogador.

Leia tudo sobre: corinthiansex-jogador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG