Tamanho do texto

Paulo Odone mandou retirar caixas de som para apresentação de Ronaldinho

O presidente Paulo Odone reprovou o clima de festa no Grêmio pela possível contratação de Ronaldinho Gaúcho. No começo da tarde desta sexta-feira, o dirigente ordenou a retirada das caixas de som colocadas no gramado do Olímpico. Elas iriam compor o palco para a apresentação do jogador do Milan.

“Mandei tirar tudo e vou tirar o responsável junto. Ronaldinho só será do Grêmio quando assinar contrato”, disse Paulo Odone.

O iG entrou em contato com os responsáveis pelo dois setores envolvidos na montagem da festa. Ambos se eximiram da responsabilidade e tentaram minimizar o episódio, apesar da irritação do presidente. O fato é que os mesmos funcionários que colocaram, retiraram as caixas de som e mesas de áudio no gramado.

Diretor de marketing, Paulo Cesar Verardi negou que este episódio tenha a ver com a contratação de Ronaldinho, mesmo que ele seja o responsável pela elaboração do plano de exploração da imagem do atleta, caso o negócio seja concretizado. Ele saiu-se com esta:

“É algo normal para testar o sistema de som do estádio no começo da temporada. Não sei de quem partiu.”

A mesma justificativa foi usada pelo diretor de administração, Luiz Moreira. Ele se eximiu de qualquer responsabilidade.

“Não sei de nada. Isto não passou por mim. Acho que é com outra área do clube”, alegou.

Funcionários retiram caixas de som do gramado do Olímpico
Hector Werlang
Funcionários retiram caixas de som do gramado do Olímpico

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.