Tamanho do texto

José Eduardo Bettencourt disse que tomou decisão pensando no melhor para o futuro do clube português

José Eduardo Bettencourt, presidente do Sporting, anunciou sua demissão do cargo, logo após a derrota de sua equipe, que jogava em casa, para o Paços de Ferreira, pelo placar de 3 a 2. Após a partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Português, o time ficou apenas no terceiro lugar, a 16 pontos do líder Porto, dono de 41.

"Por várias circunstâncias, eu acredito que é o melhor para o futuro do Sporting que eu não seja mais o presidente deste grande clube", revelou Bettencourt ao site oficial do Sporting.

O presidente foi eleito em julho de 2009 com a maioria dos votos, cerca de 90%. Dentre as principais medidas em sua gestão, destaque para o apoio ao técnico Paulo Bento no cargo, que pediu demissão pouco depois, em novembro.

José Eduardo também foi criticado pela torcida do clube pela sua atuação peculiar no mercado internacional de transferências, após destinar muito dinheiro para manter o atacante francês Sinama Pangolê e por vender o capitão João Moutinho para o rival Porto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.