Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Presidente do Santos diz que reter Neymar é "interesse nacional"

LAOR negou que haja um acordo do santista com o Real, mas deu indícios de que as partes vêm negociando

EFE |

O presidente do Santos , Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, afirmou em declarações publicadas neste sábado ao jornal "Folha de S.Paulo" que segurar o atacante Neymar no futebol brasileiro é assunto "de interesse nacional".

O dirigente voltou a negar que exista um acordo entre o craque santista e o Real Madrid. Apesar disso, o cartola deu pistas de que o atacante pode se transferir para o clube merengue. Segundo LAOR, há "indícios" de que o clube espanhol "fez uma jogada bonita, mas ainda não marcou gol", falou, sem dar mais detalhes. Aparentemente ele se referiu a um suposto acordo, revelado pela imprensa, de que o jogador deve se integrar à equipe no próximo ano, depois dos Jogos Olímpicos de Londres e do centenário do Santos.

Ribeiro, no entanto, usou de metáforas futebolísticas para dizer que não há nenhuma operação fechada. "A partida não terminou. Está zero a zero. Ou melhor, um a zero: Neymar ainda está no Santos". Para reforçar seu empenho em segurar o jogador no clube brasileiro, disse que o Santos está buscando patrocinadores que forneçam o dinheiro suficiente para que Neymar continue no Santos pelo menos até 2013.

Leia tudo sobre: brasileirão 2011santosneymarfutebol mundialreal madrid

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG