Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Presidente do Palmeiras faz reunião com elenco antes de treino

Arnaldo Tirone conversa com jogadores sobre o mau momento e recebe elogios de Marcos Assunção

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

O treino do Palmeiras desta terça-feira contou com a presença do presidente do clube, Arnaldo Tirone. Após a derrota sofrida por 3 a 0 para o Internacional no Pacaembu ter desencadeado uma série de protestos e até pichações em muros do estádio, o dirigente compareceu à Academia de Futebol para tranquilizar os atletas e tentar passar um pouco mais de confiança.

O ato ganhou elogios de Marcos Assunção, um dos líderes do elenco. O especialista em cobrança de faltas conversou com a imprensa nesta terça-feira e afirmou que a conversa foi em tom de apoio e ressaltou o equilíbrio demonstrado por Tirone.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

"Participamos de uma pequena reunião. O presidente é um cara muito equilibrado, que chega e não vai soltando os cachorros. Ele gosta de conversa e, nesse momento, é sempre bom termos essa conversa para saber o que está acontecendo, se tem alguma coisa de errado na diretoria, com treinador ou jogadores. Somos um grupo, estamos vivendo um mau momento. O presidente sabe que todos nós juntos estamos nessa fase e que, se fosse uma fase bom, estaríamos todos também. Ele veio para ter uma conversa de amigo, para nos dar força. Ele sabe das nossas dificuldades e nós sabemos as da diretoria. Foi uma conversa bem tranquila para que fiquemos mais tranquilos nos próximos jogos", explicou Assunção.

Ale Cabral/ Futura Press
Arnaldo Tirone também deu risadas com Valdir Joaquim de Moraes
O camisa 20 ainda ressaltou que todos atletas conversaram com o dirigente e manifestaram as opiniões. Ele admitiu que está preocupado com a fase vivida pelo Palmeiras, mas descartou que o grupo esteja vivendo problemas de relacionamento.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte


"O clima entre nós jogadores é bom, mas o problema está sendo no jogo, que não estamos ganhando. Mas a amizade e as brincadeiras continuam as mesmas, ninguém virou a cara para um ou para outro. Neste momento de dificuldade, é hora de estarmos mais unidos do que antes, um querendo ajudar o outro porque só assim vamos sair disso. O jogador vive de resultados, por mais que você trabalhe e faça as coisas certas, está tudo ruim se perder", completou.

Após as conversas com os jogadores, Tirone ainda bateu um longo papo com Luiz Felipe Scolari e também com seu supervisor técnico, Galeano. O vice-presidente de futebol, Roberto Frizzo, também esteve no gramado.

Leia tudo sobre: palmeirasarnaldo tironebrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG