Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Presidente do Guarani admite culpa em situação do time

Para escapar do rebaixamento à Série B do Brasileirão, o Guarani precisa de um bom resultado contra o Grêmio

Gazeta Esportiva |

O presidente do Guarani, Leonel Martins de Oliveira, reconheceu a parcela de culpa da diretoria na situação complicada vivida pelo clube. Faltando duas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, a equipe é 18ª colocada na tabela, com 37 pontos ganhos, e luta desesperadamente contra o rebaixamento à Série B.

Segundo o dirigente, o planejamento do clube foi feito de forma errada, o que ocasionou a queda de desempenho da equipe no Brasileirão, competição em que chegou a ocupar a quinta colocação.

"A situação é muito complicada. Não estamos aqui para responsabilizar ninguém em particular. O trabalho foi feito em conjunto e o rendimento não foi o esperado. O time caiu de rendimento e se não alcançarmos o nosso objetivo, que é nos mantermos na Série A, todos seremos responsáveis", reconheceu Martins de Oliveira.

Para escapar do rebaixamento à Série B do Brasileirão, o Guarani precisa de um bom resultado contra o Grêmio, no Brinco de Ouro da Princesa, às 17h (de Brasília) neste domingo. A equipe gaúcha é a quarta colocada da tabela e luta por uma vaga na Copa Libertadores.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofutebolguarani

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG