Tamanho do texto

Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro festeja retorno de Paulo Henrique Ganso, que estava lesionado, além da chegada de reforços como Elano e Charles

A contratação de Elano e a manutenção da base do elenco para a próxima temporada deixam o torcedor santista empolgado. E o otimismo também atingiu o presidente Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, que promete trazer novos reforços renomados. Apesar de evitar falar em favoritismo, o dirigente avisou que o time será protagonista na disputa da Libertadores em 2011.

"O favorito de hoje é o derrotado de amanhã. Lembro que, quando assumi, disse aos jogadores que a torcida esperava que eles tivessem vontade de jogar. O resto seria consequência. Foi assim, que nossa equipe conquistou dois títulos e encantou o Brasil em 2010. Por isso, em relação à Libertadores, considero apenas que somos candidatos a ser um dos protagonistas da competição", afirmou.

Para o dirigente, o retorno do meia Paulo Henrique Ganso, que desfalcou a equipe durante o segundo semestre, já é um reforço excepcional para o Santos. "Nós estamos na briga pelas contratações, apesar de já termos um elenco de primeira grandeza. Somente a volta do Paulo Henrique Ganso, que foi uma ausência muito sentida no último semestre, já é um reforço fantástico. Mas, para uma competição como a Libertadores, precisamos de jogadores experientes. Por isso, devemos ficar com 80% do elenco que estava e estamos em plena temporada de busca a reforços", disse.

O presidente santista prometeu que todos jogadores contratados para a próxima temporada chegarão com condições de lutarem por uma vaga de titular. "Não vamos falar em nomes, porque o vazamento de informações gera um movimento especulativo, que atrapalha as negociações. Existem várias possibilidades. Não queremos jogadores para compor o elenco, mas queremos atletas que cheguem para assumir a titularidade. O Santos foi o time sensação de 2010 e nós estamos procurando jogadores que estejam no nível deste elenco", comentou.