Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Preparador libera cerveja para Adriano se ela fizer bem "à mente"

Mahseredjian não viu "Imperador" tão "gordinho" como esperava e disse que "cervejinha" faz bem

Bruno Winckler, iG São Paulo |

No primeiro dia trabalho no novo preparador físico do Corinthians no CT do Parque Ecológico o tema mais abordado por Fábio Mahseredjian na sua entrevista coletiva foi a volta de Adriano . E o profissional não fugiu do assunto chegando até a ser bastante sincero nas recomendações que o "Imperador" deve seguir ou não para voltar aos gramados nos próximos 30 dias. A "cervejinha" que ele tanto gosta está liberada, desde que ela faça bem à mente do jogador.

Gazeta Press
Adriano mostra otimismo durante treino do Corinthians

"Existe a frase: 'Mente sã, corpo são'. Então não adianta o corpo estar bom e a mente não. Se uma cervejinha uma vez por semana fizer bem para ele, que seja assim", disse Mahseredjian.

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

Adriano já admitiu que teve problemas com álcool e que eles se agravaram depois que perdeu o pai, em 2004. Quando se apresentou ao Corinthians, sem citar a palavra álcool, comentou que ele não tinha amparo depois da morte do pai. “Antes tinha. Tinha um problema que meu pai tinha falecido, e quando saía de campo eu não tinha amparo,”, disse Adriano, em março .

O Corinthians afirma oficialmente que Adriano precisa até 4,5 quilos para estar totalmente apto para defender o time no Brasileirão. Mahseredjian avalia que Adriano está acima do peso, mas totalmente motivado a perder o excesso. "Não vi o peso dele na balança, mas pensei que visualmente ele estaria mais gordinho e não está. Está bem. Ele é um atleta jovem, não tem 35 anos (tem 29), e é fácil se readapar à pratica de jogar futebol", disse.

Entre para a torcida virtual do Corinthians e o ajude a se manter no topo do ranking

Adriano completa no dia 20 de setembro cinco meses da cirurgia no tendão de Aquiles esquerdo. Este foi prazo mínimo dado pelo Corinthians na época da cirurgia. Recém chegado, Mahseredjian garantiu que o "Imperador" estará em campo neste Brasileiro e minimiza o peso que ele precisa perder para atuar bem.

"Sou muito preocupado com valores absoluto. Precisa perder quanto? O que peso que o faz se sentir bem para jogar futebol é o peso ideal. Podem me matar aqui os acadêmicos de plantão, mas na visão prática, o peso ideal é aquele em que ele se sente bem e produz bem dentro de campo", comentou.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG