Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Portuguesa recebe o Mirassol para não se afastar do G-8

Equipe da capital é 13ª colocada e precisa vencer para pensar em classificação às finais do Estadual

Gazeta Esportiva |

Disputando pela quarta vez seguida o Campeonato Paulista, o Mirassol briga pela ponta de cima da tabela, e ocupa a sexta posição, garantindo, por enquanto, vaga nas quartas de final do Estadual. Bem mais tradicional, a Portuguesa é apenas a 13ª colocada e precisa vencer o time interiorano neste sábado, às 16h (horário de Brasília), no Canindé, se quiser manter chances de classificação.

Com 16 pontos, o time do Canindé está a quatro do Oeste, faltando seis rodadas para o fim. "Entendo que nosso torcedor está chateado com a situação da Portuguesa. Já sentei na arquibancada e passei pelo que eles estão passando, mas esse é um momento de união. Time, torcida e diretoria devem remar para o mesmo lado porque é a Portuguesa que está em jogo, algo maior que qualquer pessoa", afirmou o técnico Jorginho.

Pelo menos, o clube leva larga vantagem no confronto direto, nunca tendo perdido para o adversário: foram cinco jogos, com três vitórias e dois empates.

Em campo, o técnico Jorginho não poderá contar com o goleiro Juninho, recuperando-se de contusão nas costas, com o volante Glauber, que sente dores musculares, e o meia Marco Antonio, machucado no tornozelo. "Ainda não sei qual time irá a campo. Nesta semana trabalhamos bem no 4-4-2, assim como com três zagueiros, então vou esperar mais um pouco para definir a escalação", avisou.

Mesmo entre os oito primeiros, o Mirassol não passa a melhor das fases e está sem vencer há três jogos. Nesse período, foram derrotas para Corinthians e São Bernardo, além de um empate com o Noroeste, e o técnico Ivan Baitello promoverá mudanças na equipe.

Primeiro, o zagueiro Dézinho e o volante Magal voltam de suspensão nos lugares de Luiz Henrique e Otacílio, enquanto o meia Marcelinho volta a ficar à disposição, pois tem contrato com o Corinthians e foi impedido de jogar no final de semana passado.

"Tivemos um momento de queda no Campeonato, aonde vínhamos bem, com bons jogos, mas isso é natural. O Paulistão é muito difícil, muito equilibrado e qualquer desatenção, você paga por isso. Agora é voltar a trabalhar firme dentro de campo, como fizemos na semana, para evitar erros e, se possível, não sofrer gols, para sair com uma boa vitória", comentou o goleiro Fernando.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X MIRASSOL

Local:
estádio do Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 18 de março de 2011
Horário: 16h (Brasília)
Árbitro: Bruno Salgado Rizo
Assistentes: Risser Jarussi Corrêa e Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Assistentes adicionais: Magno de Sousa Lima Neto e Leomar Oliveira Neves

PORTUGUESA: Weverton; Maurício, Jaime e Preto Costa; Marcos Pimentel, Ademir Sopa, Ferdinando, Henrique e Fabrício; Rafael Silva e Jael
Técnico: Jorginho

MIRASSOL: Fernando Leal; Fabinho Capixaba, Gustavo Bastos, Dézinho e Diego; Magal, Jairo, Esley e Xuxa; Serginho e Wellington Amorim
Técnico: Ivan Baitello

Leia tudo sobre: Campeonato Paulista 2011PortuguesaMirassol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG