Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Por Muricy e patrocinador, Richarlyson deve fechar com o Fluminense

Ex-são-paulino já manifestou o desejo de permanecer no Brasil e a influência do antigo treinador deve ser decisiva para definir seu destino

Levi Guimarães, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882285176&_c_=MiGComponente_C

Depois de se despedir do São Paulo, onde ficou por mais de cinco anos, o volante Richarlyson vive a expectativa pela definição de onde jogará na temporada 2011. E o novo campeão brasileiro, o Fluminense, começa a despontar como favorito para contar com o jogador, graças ao técnico Muricy Ramalho e à Unimed, principal patrocinadora do clube carioca.

Sob o comando de Muricy, Richarlyson conquistou três campeonatos brasileiros pelo São Paulo entre 2006 e 2008 e chegou a ser convocado para a seleção brasileira. Ele foi titular praticamente durante toda a passagem do treinador pelo Morumbi, fosse como volante, lateral-esquerdo ou até meio de campo em algumas oportunidades.

Em termos financeiros, o patrocinador do Fluminense é conhecido por pagar salários acima da média do mercado brasileiro. Como o contrato de Richarlyson com o São Paulo vence no dia 20 de dezembro, bastará ao novo clube acertar as condições diretamente com o atleta. E apesar de Botafogo, Atlético-MG e Palmeiras também terem aparecido como interessados, o Fluminense deve mesmo fazer a melhor proposta.

Antes do contrato, polêmica

Caso a ida de Richarlyson para o Fluminense seja confirmada, o jogador provavelmente será questionado sobre um assunto nada agradável, a suposta entregada do São Paulo para o Fluminense na reta final do Campeonato Brasileiro para prejudicar o Corinthians.

Naquela partida, Richarlyson foi expulso por xingar o árbitro Héber Roberto Lopes e a acusação dos corintianos é de que ele teria provocado o cartão vermelho deliberadamente para beneficiar o Fluminense, clube com o qual já teria um acordo. O meia corintiano Bruno César chegou a afirmar que achou muito estranha a expulsão.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofluminensefutebolsão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG