Depois de vencer duas equipes que ainda não somaram pontos, Atlético-MG enfrenta time que está no G4

Frederico Tadeu/AVAÍ F.C.
Réver classifica partida contra o São Paulo como "jogo que todos querem jogar"
Não importa o resultado do jogo entre Atlético-MG e São Paulo , nesta quarta-feira, na Arena do Jacaré, que o Campeonato Brasileiro vai ter um novo líder . O time mineiro joga pelo empate para completar duas rodadas na ponta , enquanto a equipe tricolor precisa vencer para assumir a liderança. O que está em jogo já mostra como será difícil o duelo pela terceira rodada do Brasileirão.

Siga o iG Atlético-MG no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Dentro da Cidade do Galo, o discurso não é diferente. As duas vitórias do Atlético-MG na competição foram para Atlético-PR e Avaí , as únicas equipes que ainda não pontuaram. Diante de um adversário de peso e o jogo valendo a liderança, o capitão Réver comenta que a partida é mesmo diferente.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

“Esses são os jogos que a gente considera como o jogo bom. A gente tem que estar preparados até porque é uma equipe que está em um bom momento e tem jogadores de muita qualidade. Temos que ter atenção, porque é uma equipe completamente diferente das equipes que a gente enfrentou este ano. Então temos que ter atenção para procurar fazer a melhor opção dentro do jogo, para que a gente não possa ser surpreendido e manter os 100% de aproveitamento dentro da competição”.

O atacante Magno Alves acompanha o capitão, classifica o jogo com o São Paulo como o primeiro teste de fogo do Atlético-MG no Brasileirão. “Todos os jogos são importantíssimos. Agora temos que ser mais sinceros, não desrespeitando as equipes que enfrentamos, mas é São Paulo, sabemos da tradição deste teste de fogo, mas estamos preparados para qualquer adversário que vier”.

O técnico Dorival Júnior lembra que os pontos conquistados diante do Atlético-PR têm o mesmo valor daqueles conquistados em um clássico nacional. O comandante atleticano ressalta apenas que a atenção na marcação deve ser maior de acordo com os jogadores que estão do outro lado, porém, o ideal é estar preparado para enfrentar todas as equipes.

“Todos os jogos dentro do nosso campeonato são disputados em igualdades de condição. As equipes são melhores qualificadas do que nos regionais, algumas num estádio um pouco melhor. Mas a grande maioria brigando por posições e tentando despontarem como surpresas. O São Paulo, naturalmente, pela qualidade e pelo elenco, vai brigar pela ponta, assim como está. Todo cuidado é importante, mas em determinadas partidas um ou outro jogador desponta pela capacidade individual. Então é normal ter uma atenção, mas o básico é estar preparado para um grande campeonato, independentemente do adversário que esteja pela frente”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.