Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Policiais são suspensos após morte de torcedor na Argentina

Ramón Aramayo faleceu em virtude dos confrontos entre a torcida do San Lorenzo e agentes federais

EFE |

Reuters
Bombeiros tentam "esfriar" os ânimos dos hinchas
Três policiais argentinos foram suspensos por suposta participação nos incidentes que terminaram, no domingo, com a morte de um torcedor do San Lorenzo nas proximidades do estádio do Vélez Sarsfield, em Buenos Aires.

A suspensão pesa sobre um oficial e dois suboficiais enquanto é investigada a morte de Ramón Aramayo, de 36 anos, após um confronto entre torcedores e agentes da polícia federal. Os enfrentamentos provocaram a suspensão da partida entre Vélez e San Lorenzo, válida pela sexta rodada do Torneio Clausura argentino.

"Queria que a ministra (de Segurança, Nilda) Garré possa trabalhar com as mãos livres e a fundo para saber exatamente o que foi que aconteceu. Se for responsabilidade da polícia, deveria investigá-la e punir os responsáveis", afirmou o chefe de Gabinete argentino, Aníbal Fernández, em entrevista à rádio "La Red".

A morte de Aramayo é a de número 183 na história do futebol profissional argentino em episódios violentos, desde os anos 30.

Reuters
Policiais enfrentam torcedores do San Lorenzo, que arrebentaram o alambrado do estádio do Vélez

Leia tudo sobre: Futebol MundialArgentinaSan LorenzoVélez Sarsfield

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG