Governo polonês constatou falta de agilidade dos tribunais. Segurança da Euro 2012 foi colocada em xeque

Em 2011, a polícia precisou polonesa precisou conter os hooligans do Legia Varsovia
EFE
Em 2011, a polícia precisou polonesa precisou conter os hooligans do Legia Varsovia
A polícia polonesa não tem informações atualizadas sobre os 'hooligans' estrangeiros que estarão no país durante a disputa da Eurocopa 2012, que será disputada neste ano, aponta com relatório elaborado pelo Governo da Polônia.

No Blog da Redação: Polônia já entrou no clima da Euro… até no futsal sub-8

O documento também lamenta a falta de agilidade dos tribunais poloneses na expedição das ordens que proíbem a entrada dos torcedores violentos em eventos esportivos. Mesmo tendo sido presos ou detidos anteriormente, não há impedimento para que entrem nos estádios.

Na outra sede: Clima da Euro transforma parada de bonde em gol na Ucrânia

De acordo com a emissora de televisão "TV 24", que divulgou o relatório, há grande medo de que a segurança da Eurocopa, que será disputada na Polônia e Ucrânia, esteja comprometida.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Apesar dos problemas, o Governo do país do Leste Europeu garante que não tolerará incidentes violentos durante a disputa. Apenas na Polônia, a estimativa é de que existam 5 mil 'hooligans'.

Na decisão da última edição da Copa da Polônia, torcedores e vândalos protagonizaram cenas de guerra, em confronto com policiais. A preocupação do Governo polonês é tanta que agora nas escolas os jovens são orientados por oficiais de segurança, sobre condutas violentas em estádios de futebol.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.