Marco Righetto estava perto do estádio em que será realizado o clássico decisivo contra a Internazionale

A polícia italiana prendeu um torcedor extremista, líder de um grupo de torcedores do Milan , que tinha material explosivo em seu carro com potencial para montar uma bomba. O torcedor foi detido perto do estádio San Siro, poucas horas antes do clássico entre Milan e Inter.

O detido, Marco Righetto, é o líder do Commando Ultra Tigre, um grupo radical. O torcedor de 35 anos foi detido com material que poderia ser utilizado para montar uma bomba caseira, além de quatro facas, um bastão de beisebol e uma quantidade de gás.

O clássico entre Inter e Milan vai acontecer neste sábado, no Giuseppe Meazza, em Milão, válido pela 31ª rodada do Campeonato Italiano. Os rubro-negros lideram a competição com 62 pontos, dois a mais que a Inter. O jogo começa às 15h45 (horário de Brasília)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.