Tamanho do texto

Já sem contar com Edinho, negociado, Palmeiras fica sem outro volante por causa das dores no pé direito

Já sem poder contar com Edinho, que foi negociado com o Fluminense, o Palmeiras perde outro volante para este início de temporada. Pierre não conseguiu se curar com seu tratamento alternativo e precisará passar por uma cirurgia no seu pé direito. A operação já está marcada para o início da noite desta sexta-feira no Hospital São Luiz.

Por causa disso, o camisa 5 só voltará a tempo no Paulista caso o seu time se classifique às quartas-de-final da competição, uma vez que o tempo previsto de recuperação é de três meses.

Segundo informou a assessoria de imprensa do clube, Pierre teve uma melhora inicial, mas as dores voltaram durante esses trabalhos intensos na pré-temporada. A decisão foi tomada em conjunto pelo departamento médico e o atleta, após esgotarem todas as tentativas de tratamento conservador para tratar de uma lesão de fascite plantar do pé direito, que incluíram fisioterapia, o uso de PRP (Plasma Rico em Plaquetas) e terapias por ondas de choque.

A cirurgia será realizada pelo especialista em cirurgia de pé, Dr. Renato Mazagão. Antes de operar, Pierre concederá uma entrevista coletiva na Academia de Futebol na tarde desta sexta-feira para falar do problema.