Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Perto de semi, Mourinho promete mexer pouco no Real

Treinador promete fazer poucas mudanças na equipe considerada titular e voltou a cobrar 'respeito' ao APOEL na Liga dos Campeões

AE |

selo

AP
José Mourinho tenta seu segundo título da Liga dos Campeões
Depois de vencer o jogo de ida por 3 a 0, no Chipre, o Real Madrid promete encarar com seriedade o confronto de volta com o APOEL, nesta quarta-feira, em casa, pelas quartas de final da Liga dos Campeões. Um sinal disso é que nesta terça o técnico José Mourinho prometeu fazer poucas mudanças na equipe considerada titular e voltou a cobrar "respeito" ao time cipriota.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não haverá muitas mudanças. De fato, o único que não jogou em Pamplona (contra o Osasuna, no sábado, pelo Espanhol) que não está convocado é Arbeloa. O resto está convocado e para jogar. Se Pepe está aqui (na entrevista coletiva) e comigo é porque jogará. É uma partida de Liga dos Campeões. Temos um resultado muito bom e poucos pensam que o APOEL pode ganhar no Bernabéu por quatro gols, mas futebol é futebol, temos de respeitar os fãs que querem ver uma partida de futebol, temos de respeitar o rival. Haverá poucas mudanças. O importante para nós é estar nas semifinais", enfatizou o treinador português.

Leia também: Com risco de ser superado por Messi, brasileiro contesta números

Pelo fato de poder perder por até dois gols de diferença, Mourinho poderia poupar alguns jogadores, mas ressaltou que os próprios atletas desejam estar em campo para ratificar a classificação madrilenha para a próxima fase da competição continental.

"O time está bem, não está cansado. Os jogadores estão com confiança e querem jogar. Temos algumas marcas na Liga dos Campeões nos últimos dois anos muito boas. Muitas vitórias, poucos empates e só uma derrota. Queremos continuar jogando bem e conseguir amanhã (quarta) uma vitória para seguir nesta dimensão", completou, se referindo ao fato de que na edição passada do torneio europeu o Real só foi cair diante do arquirrival Barcelona, nas semifinais.

Veja ainda: Cristiano Ronaldo ultrapassa Messi na briga pela Chuteira de Ouro

Mourinho também não perdeu a oportunidade nesta terça de cutucar a imprensa espanhola, que nos últimos tempos vem apontando problemas de relacionamento entre o técnico e alguns jogadores do Real. O comandante apontou que os bons resultados obtidos pelo time estão provando que não existe um racha no elenco madrilenho e acusou um grupo de jornalistas de tentar "desestabilizar o time com suas notícias". "O grupo está muito forte e muito unido. Somos os mesmos desde o primeiro dia e vamos até o final juntos. E no último dia vamos chorar juntos ou rir juntos".

E mais: Samuel Eto'o desiste de processo contra o Barcelona

Já ao ser questionado sobre qual jogo irá assistir nesta terça-feira pela Liga dos Campeões, que definirá os dois primeiros classificados às semifinais da competição na próxima tarde, o treinador garantiu que pretende ver apenas o confronto entre Bayern de Munique e Olympique de Marselha. Deste duelo sairá o rival de Real ou APOEL. No mesmo horário, porém, o Barcelona fará o grande jogo desta terça contra o Milan, na Espanha.

Confira também: Anzhi garante 300 milhões de euros para Roberto Carlos contratar

"Tenho previsto ver Bayern x Marselha, pois é deste confronto que sairá uma das equipes que poderemos encontrar nas semifinais. A mim este é o jogo que mais me interessa", garantiu o comandante.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG