Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Perto de renovar, Tite questiona sua importância no Corinthians

Apesar de elogios de jogadores, treinador quer ouvir de Andrés Sanchez que é importante para o projeto de 2012

Danilo Lavieri e Mário André Monteiro, iG São Paulo |

Tite mantém toda a precaução na hora de falar do futuro do Corinthians. O técnico não quer nem falar em planejamento para 2012 antes que a sua renovação não seja colocada no papel . Em entrevistas durante o Troféu Mesa Redonda, da “TV Gazeta”, o comandante afirmou que quer ouvir de Andrés Sanchez que é importante para o time na próxima temporada antes de assinar o novo contrato.

AE
Tite, técnico do Corinthians
“O primeiro planejamento do Corinthians é ter um técnico (risos). O time precisa ver se é importante ele ficar. A partir daí, planejamos o que fazer. Na minha conversa com o Andrés hoje (terça-feira), fiz questão de perguntar a ele se eu era importante para ficar no time. Agora tem eleição, tem gente que sai e gente que vai. À medida que eu tenha esse reconhecimento, começamos a planejar”, disse o gaúcho.

E MAIS: Em reunião, Tite planeja 2012, mas ainda não renova com Corinthians

Muito elogiado pelos jogadores que também estiveram na cerimônia de premiação, Tite também não quis falar de como vai ser o seu próximo ano e de quais peças precisam chegar para que 2012 também tenha novas vitórias. O certo é que ele terá muito apoio de seus atletas.

“O Tite tem muita responsabilidade pela minha afirmação no gol do Corinthians. No momento difícil, quando eu voltei da lesão, ele me chamou, conversou comigo, me deu total confiança para atuar. Ele é um grande cara”, elogiou Júlio César, um dos mais felizes pelo título.

VEJA TAMBÉM: Saída de Andrés Sachez do Corinthians ressucita o Clube dos 13

William, mesmo sendo um dos mais escolhidos para substituições no Corinthians, elogiou o treinador, dentro e fora do gramado. “A palavra chave do nosso grupo foi a união, a amizade. O Andrés também apoiou muito o Tite, que é uma pessoa maravilhosa, um homem puro, que nos dá um carinho muito grande. Ele deu muito respeito e conseguiu suportar toda a pressão no momento difícil, o que não foi fácil”, finalizou o atacante.

Leia tudo sobre: CorinthiansTiteBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG