Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Persistente, Carlinhos Paraíba cita Libertadores e projeta vitória no Rio

Você tem sempre que batalhar e trabalhar para estar pronto no momento em que a oportunidade aparecer, declarou o são-paulino

Gazeta Esportiva |

Pouco aproveitado antes da chegada do técnico Paulo César Carpegiani, Carlinhos Paraíba virou titular absoluto no São Paulo. Persistente, o jogador ainda sonha com a Copa Libertadores e projeta uma vitória em São Januário no confronto diante do Vasco, marcado para as 19h30 (de Brasília) do próximo domingo.

"Cada jogador tem o seu momento e, quando você não está num momento bom, fica complicado de jogar. Mas agora estou vivendo um momento legal e ainda tenho muito para melhorar. Você nunca pode desistir, tem sempre que batalhar e trabalhar para estar pronto no momento em que a oportunidade aparecer", declarou.

Sucessor do interino Sérgio Baresi no comando do São Paulo, Carpegiani armou um esquema ofensivo. Na partida diante do Vasco, ele planeja escalar Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba, Fernandão, Lucas, Dagoberto e Ricardo Oliveira do meio para a frente em uma formação que valoriza o trabalho dos volantes. 

"O Carlinhos não é um jogador dos sonhos, mas é um jogador mais dinâmico, um pouco diferente dos outros que temos. Por isso, se destacou nos últimos jogos e encaixou o time. Não é fantástico, é simplesmente diferenciado dos outros", disse Carpegiani.

Apesar do status de titular absoluto, Carlinhos Paraíba não se considera uma peça fundamental. "No São Paulo, tem vários jogadores de qualidade e a responsabilidade não é só de um. É um peso quando o time que você joga só tem um jogador para resolver. Aqui, o grupo é forte e sonha alto", disse.

A quatro rodadas do final do Campeonato Brasileiro, o São Paulo tem 50 pontos ganhos e ocupa a nona colocação. O Botafogo, último componente do G4, totaliza 55 pontos. Ainda com chances de classificação à Copa Libertadores, Carlinhos projeta um triunfo como visitante neste domingo.

"Enquanto tivermos chance, devemos lutar pelo nosso objetivo, independente dos outros times. Sabemos da dificuldade que é jogar contra o Vasco em São Januário e temos que ter a cabeça no lugar para buscar os três pontos fora de casa", declarou o jogador.

Com dores nas costas, o volante Rodrigo Souto não participou do coletivo desta quarta-feira, mas não deve ser problema para o jogo. Contra o Vasco, Carpegiani planeja escalar o seguinte time: Rogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Richarlyson; Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba, Fernandão e Lucas; Dagoberto e Ricardo Oliveira.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirosão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG