Presidente afirmou que não adianta mais sonhar com título e ameaçou atletas do Cruzeiro em reunião

Nos últimos quatro anos, o Cruzeiro conquistou uma vaga para a Libertadores pelo Campeonato Brasileiro. Mas a péssima campanha em 2011 dificulta uma quinta participação no torneio continental. O presidente Zezé Perrella já se mostra cético quanto a essa possibilidade, mas diz não temer um possível rebaixamento.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

O Cruzeiro ocupa atualmente a décima quarta colocação na tabela, quatro pontos à frente da chamada zona da degola. Apesar do desempenho ruim no segundo turno, Zezé Perrella não acredita em um inédito rebaixamento celeste.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e convide os seus amigos

"Não tenho medo da segunda divisão, falo isso pelo grupo que temos. Título ficou difícil, não adianta sonhar, mas podemos ter uma boa classificação, pelo menos na Sul-Americana. É inadmissível um grupo como o do Cruzeiro estar onde está hoje. Futebol é confiança, mas, acima de tudo, precisamos de muita disposição, se doando ao máximo", afirmou o presidente.

Perrella ameaçou os jogadores na reunião que teve e ponderou que quem quiser permanecer no grupo em 2012 terá que mostrar serviço até o final dessa temporada. "Quem quiser ficar para o ano que vem vai ter que mostrar que quer ficar.O momento todos nós estamos vendo, o time não está correspondendo, caiu de maneira inexplicável, por mais que pese a falta de jogadores. Vi o time apático em alguns jogos. Podemos perder o jogo, mas perder brigando", concluiu o mandatário cruzeirense.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.