Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Pensando em 2011, Flamengo diz que foco é classificação para a Sul-Americana

Clube da Gávea precisa vencer o Santos, na Vila Belmiro, e torcer por vitórias de Ceará, São Paulo ou Atlético-PR

Gazeta Esportiva |

O técnico Vanderlei Luxemburgo já fala sobre a próxima temporada. Os jogadores comentam o futuro, analisando se terão o contrato renovado ou se irão procurar um novo destino em 2011. Neste cenário o Flamengo se prepara para o seu último compromisso no Campeonato Brasileiro, neste domingo, contra o Santos, às 17h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, em Santos, pela última rodada da competição.

Apesar de ter conseguido se livrar do risco de rebaixamento no fim de semana passado, mesmo com a derrota de 2 a 1 para o Cruzeiro, o clube da Gávea não pode dizer que apenas cumprirá tabela contra o time paulista, já que ainda pode conquistar uma vaga na próxima Copa Sul-Americana.

Na 15ª colocação do Brasileirão, com 43 pontos, o Flamengo precisa vencer o Santos e torcer para que um desses resultados aconteça: derrota do Vasco para o Ceará em São Januário, no Rio de Janeiro; derrota do Atlético-MG para o São Paulo no Morumbi, em São Paulo; tropeço do Avaí diante do Atlético-PR na Arena da Baixada, em Curitiba. Se essa combinação acontecer a vaga estará assegurada.

A Copa Sul-Americana é vista como importante na Gávea, já que a competição credencia para a disputa da Copa Libertadores. Por isso mesmo os jogadores flamenguistas garantem que não estão em ritmo de férias e que encaram a partida contra o Santos como muito importante.

"Nós precisamos muito desse resultado, pois seria importante a classificação para a Copa Sul-Americana. Pode não ser o objetivo que a gente pensou no início do Campeonato Brasileiro, pois o Flamengo entrou querendo o título ou a vaga na Copa Libertadores. Mas nos afastamos dessas disputas e agora temos condições de, pelo menos, dar a vaga na Copa Sul-Americana ao clube, que teria mais uma competição para jogar em dois mil e onze", disse o atacante Diego Maurício.

O volante chileno Maldonado lembrou que a Copa Sul-Americana vem ganhando importância a cada ano e que o prestígio do torneio foi ampliado com a possibilidade de disputa da Copa Libertadores.

"É um jogo importante. Novamente precisamos pontuar para conseguir essa vaga. É a última semana e temos que nos preparar do melhor jeito possível para encarar este jogo. É fundamental disputar essa competição, porque é mais uma chance de ir para a Libertadores. Ela se tornou ainda mais importante e é sempre bom ter uma oportunidade como essa, além de ser mais um título que vamos disputar", disse Maldonado.

O jogador chileno exige tanta preparação por entender que a partida contra o Santos, mesmo com o rival apenas cumprindo tabela, será muito complicada.

"O time do Santos é muito bom. Tem jogadores de qualidade, fez um grande ano, apesar do Brasileiro não ter sido tanto assim. É uma equipe equilibrada, que jogou um futebol bonito nesse ano, e na Vila é ainda mais complicado. Mas é o último jogo do ano. Temos que buscar a vitória e entrar focados totalmente", disse Maldonado.

Vanderlei Luxemburgo deverá definir nesta sexta-feira, quando o elenco vai treinar na parte da tarde no Ninho do Urubu, a equipe que vai enfrentar o Santos. No sábado o grupo participa de um recreativo, pela manhã, também no Ninho do Urubu. Em seguida a delegação flamenguista embarca para Santos. Na segunda-feira os jogadores entrarão de férias.

Fora de campo a diretoria está costurando o acordo para ter um patrocinador master em 2011 e a presidente Patrícia Amorium foi procurada por autoridades da PDVSA, estatal venezuelana de petróleo, interessadas em fechar acordo com o clube, visto que não irão renovar o contrato com a Brasil Foods, dona da Batavo, que termina no fim deste mês. A permanência na Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro pesou para que os venezuelanos decidissem procurar os dirigentes do Flamengo, que garantem ter ainda mais duas propostas nas mãos.

A ideia do clube é conseguir arrecadar cerca de R$ 25 milhões com esse patrocínio master na próxima temporada, com parte da receita sendo usada para a contratação de reforços. Isso porque o elenco deverá ficar muito reduzido, pois a maior dos atletas que o integra atualmente não vai ficar em 2011.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiroflamengo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG