O goleiro do Flamengo, que substituiu Felipe, salvou o time carioca de uma derrota no Engenhão

O goleiro Paulo Victor , do Flamengo , substituto do suspenso Felipe, foi vilão por alguns segundos após derrubar Wellington Nem na área, cometendo pênalti. A redenção, porém, veio logo na sequência, quando o chute de Aloísio parou em suas mãos e o empate por 0 a 0 foi garantido.

A torcida não aprovou o resultado e vaiou a equipe mesmo sabendo que o lugar no G-5 foi recuperado. O goleiro saiu como um dos únicos heróis e explicou suas razões para ter cometido a infração que poderia ter piorado a situação de sua equipe.



"Não tinha outro jeito, ali eu era o último o homem e precisei fazer o pênalti. Ainda bem que fui feliz, pulei para o canto certo e consegui pegar", discursou Paulo Victor , que aproveitou para cutucar os companheiros. "Pensei que o time ia melhorar depois do pênalti, mas não foi isso que aconteceu", disse o goleiro do Flamengo .

Com a igualdade, o time carioca pulou para 56 pontos e ultrapassou o rival Botafogo, ocupando agora o quinto lugar. No domingo, às 17h ( horário de Brasília), o adversário será o Atlético-GO, em Goiânia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.