Clube fechou parceiro para barra da camisa, mas está distante de acordo para espaço nobre do uniforme

O Flamengo já tem sacramentado o acordo com o site de compras coletivas Felicidade Urbana. A marca será estampada na barra das costas da camisa e renderá R$ 6 milhões por um ano. O patrocinador master, no entanto, ainda é uma incógnita, apesar das conversas com a Procter & Gamble, dona da Gillette e da Duracell.

Entre para a Torcida Virtual do Flamengo e convide seus amigos

Segundo o vice-presidente de marketing do Flamengo, Henrique Brandão, não há expectativa de definição de um acordo para os próximos dias. A intenção da diretoria é fechar um contrato longo com a empresa. Outros interessados em ocupar o espaço nobre da camisa ainda estão na briga.

Siga o iG Flamengo no Twitter e receba as notícias do time em tempo real

"Há conversas adiantadas, mas nada definitivo. Queremos um contrato longo. Não é que eles não queiram, mas estamos negociando ainda", afirmou Henrique Brandão, que negou qualquer acordo com a Leader Magazine, lembrando que é provável encerrar o ano com a camisa sem patrocinador master.

O acordo com a Procter & Gamble giraria em torno de R$ 21 milhões por ano, R$ 1 milhão a menos do que a Batavo pagou em 2010, quando Ronaldinho Gaúcho ainda não estava no clube. O Flamengo já tem o BMG, que paga R$ 8,5 milhões pelo espaço na manga, e a Tim, que desembolsa R$ 2,5 milhões para ficar dentro dos números.

A diretoria do clube ainda vai colocar à venda o espaço no ombro da camisa, por cerca de R$ 7 milhões. Por enquanto, o uniforme do futebol rendeu R$ 11 milhões, sem contar os R$ 900 mil pagos por Cielo e Visa na estreia de Ronaldinho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.