Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Patrícia faz campanha por Ronaldinho na seleção. Mas não agora

Presidente do Flamengo não quer ver o time sem o craque no confronto com o Corinthians, dia 7 de setembro

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

O Flamengo está extremamente preocupado com o mau momento da seleção brasileira, derrotada por 3 a 2 pela Alemanha, em Stuttgart, na quarta-feira. Não pelos resultados em sim, mas pela possibilidade de Ronaldinho Gaúcho ser convocado para o amistoso do dia 6 de setembro, contra o Egito, no Cairo.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

A presidente do clube, Patrícia Amorim, até defende a convocação de Ronaldinho, mas não para esse jogo. Se ele for chamado pelo técnico Mano Menezes, não poderá enfrentar o Corinthians, no dia 7 de setembro, no Pacaembu, pela 22a rodada do Campeonato Brasileiro.

Siga o iG Flamengo no Twitter e receba as notícias do time em tempo real

“Sem ele, fica sem graça. Gostaria de vê-lo na seleção, mas pode esperar mais um pouco. O Flamengo espera contar com Ronaldinho e a torcida é para que isso aconteça. Mas queremos ver o time completa e nossa expectativa é de que seja assim contra o Corinthians”, afirmou Patrícia.

Contente com a campanha do Flamengo no Brasileiro, afinal o time está em segundo lugar, com 33 pontos, Patrícia já pensa na próxima temporada. Confiante na classificação para a Copa Libertadores de 2012, ela promete reforçar o time se o técnico Vanderlei Luxemburgo achar necessário.

“Nosso objetivo continua sendo a classificação para Libertadores. Inicialmente, vamos com esse time se conseguirmos a vaga, mas podemos contratar alguns jogadores”, afirmou Patrícia.

O Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h, contra o Figueirense, pela 16a rodada do Brasileiro. O líder é o Corinthians, com os mesmos 33 pontos, mas com maior número de vitórias.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG