Tamanho do texto

"Venho para a Ponte com o intuito de vencer", disse o lateral, que estava sem chances no Atlético-MG

O lateral direito Patric foi o primeiro reforço vindo do Atlético-MG a chegar à Ponte Preta e conhecer as dependências de seu novo clube. Enquanto o meia Caio ainda é aguardado para fazer exames médicos, o jogador já foi integrado ao elenco e se mostrou animado com o ambiente de trabalho que encontrou no clube.

Patric, de 22 anos, não estava sendo aproveitado no Atlético-MG e acertou sua transferência para a Ponte Preta na última sexta-feira. Mesmo ser ter sido apresentado oficialmente à torcida, o atleta apontou que estava acompanhando os jogos do time de Campinas na Série B e enalteceu a postura dos torcedores da equipe durante a competição.

"Venho para a Ponte com o intuito de vencer. O grupo é muito bom e sei da capacidade do elenco. Vi alguns jogos e gostei do que vi. O time é muito compacto e tem uma torcida fundamental, que apoia o time a todo o momento", avaliou Patric.

O lateral ainda revelou que não está preocupado com o modo como o técnico Gilson Kleina irá aproveitá-lo nos jogos, afirmando que chega ao clube para acatar o que for proposto pelo treinador. "Quero ajudar a Ponte da melhor maneira e, independentemente de jogar ou não, quero contribuir a todo o momento para que possamos subir."

A expectativa da diretoria é conseguir regularizar Patric já para o jogo deste sábado, contra o Duque de Caxias, em Araraquara. Já o meia Caio ainda dependerá dos exames médicos e de questões burocráticas para ter condições de jogo, e não deverá reforçar a equipe pontepretana nesta rodada.