Tamanho do texto

Residência do brasileiro foi destruída na madruga de segunda para terça-feira. Causa segue desconhecida

A causa do incêndio da casa do zagueiro Breno , na madrugada de segunda para terça-feira, ainda é desconhecida. De acordo com a polícia de Munique, pelo fato da residência do brasileiro ter sido totalmente destruída, não se pode descartar qualquer possibilidade para o acidente.

"Não podemos elaborar qualquer hipótese. De uma falha técnica até um incêndio intencional, qualquer coisa é possível. Está tudo destruído, é como se a casa tivesse sido bombardeada, por isso é tão difícil determinar como o incêndio começou", disse Werner Kraus, porta-voz da Polícia ao Bild , da Alemanha.

Aos 21 anos, o atleta, que está no Bayern de Munique desde 2008, estava sozinho na casa quando o incêndio aconteceu. Por ter inalado fumaça, o jogador foi internado por precaução, mas não preocupa. De acordo com autoridades locais, o prejuízo chega a cerca de 1,5 milhões de euros.

Logo após o incidente, Breno, sua esposa e três filhos foram abrigados por Rafinha, outro brasileiro do time bávaro. Agora, o ex-jogador do São Paulo já está em um hotel, arranjado pelo Bayern. Na equipe, o defensor não tem tido oportunidades, já que se recupera de uma lesão no joelho.

    Leia tudo sobre: bayern de munique
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.