Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Paraná x Coritiba fazem o clássico das diferenças

Nunca foram tão gritantes as diferenças entre os dois rivais paranaenses, que neste domingo duelam pelo 92ª vez

Altair Santos, iG Curitiba |

O clássico Paraná Clube x Coritiba completou no ano passado 20 anos. Nunca na história do confronto houve um duelo tão antagônico como o que será disputado neste domingo, às 17h, em Vila Capanema. O anfitrião é lanterna do Campeonato Paranaense, vive uma fase de penúria orçamentária, que o obrigou a contratar jogadores pagos por empresários para conseguir montar um time, e vê o rival surfar numa onda de prosperidade que o remete a um favoritismo absurdo.

Líder do estadual, o Coritiba vai pisar o gramado do estádio Vila Capanema com uma folha de pagamento quase 10 vezes maior que a do Paraná. O orçamento anual do clube também é 10 vezes maior do que o do adversário. Saindo do campo das finanças, as disparidades não cessam. O time do Coritiba é praticamente o mesmo que venceu a Série B do Brasileiro, em 2010, enquanto o do Paraná foi remontado às pressas duas semanas antes de começar o campeonato.

Não há termo de comparação entre a atual realidade dos dois clubes. Nos números gerais, contudo, há equilíbrio. Computando todos os duelos, esse será o confronto número 92. Foram 34 vitórias para o Coritiba, 26 empates e 31 vitórias do Paraná, que marcou 114 gols e sofreu 108. Por isso, o técnico Marcelo Oliveira, que no ano passado esteve do outro lado, não aceita o favoritismo. “Vamos enfrentar um adversário que deve ser respeitado pela sua história e isso pesa num clássico”, afirmou.

Do lado do Paraná, o técnico Roberto Cavalo faz questão de jogar o favoritismo no colo do adversário. “O Coritiba vive um momento muito feliz. Tem um time em que todos os jogadores nos preocupam e, se quisermos ter alguma chance, vamos precisar marcar do primeiro ao último segundo, além de esperar que a sorte esteja do nosso lado”, relata o treinador, que pode ficar com o cargo ameaçado caso conheça a terceira derrota no estadual.

Esse é o cenário que emoldura o segundo principal clássico do futebol paranaense. No ano passado, quando o Paraná já estava bem abaixo do Coritiba, houve bastante equilíbrio nos duelos entre as duas equipes. Foram disputadas quatro partidas, com uma vitória para cada um (1 x 0 e 1 x 0) e dois empates por 0 x 0. O Paraná, porém, comemorou um feito: foi o único time que venceu o Coritiba no Campeonato Paranaense de 2010.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ CLUBE x CORITIBA
Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Data: 23 de janeiro de 2011, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Ricardo Vilar Neves

PARANÁ: Luís Carlos; Paulo Henrique, Carlinhos, Rafael Vaz e Henrique; Javier Mendez, Serginho, Luís Camargo e Taianan; Chimba e Tito
Técnico: Roberto Cavalo

CORITIBA: Edson Bastos; Jeci, Pereira e Emerson; Jonas, Leandro Dinzete, Léo Gago, Rafinha e Eltinho; Marcos Aurélio e Leonardo
Técnico: Marcelo Oliveira
 

Leia tudo sobre: CoritibaParanáCampeonato Paranaense 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG