Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Paraná consegue sua primeira vitória na temporada

Na Vila Capanema, time bate fácil o Gurupi-TO e se classifica para a próxima fase da Copa do Brasil

Gazeta |

O Paraná Clube desencantou. Após 11 partidas oficiais na temporada, a equipe da Vila Capanema conseguiu a primeira vitória: 3 a 0 diante do Gurupi-TO, no jogo de volta da Copa do Brasil, em Curitiba. Com o resultado a equipe, lanterna no Campeonato Paranaense, segue firme para a segunda fase.

O Tricolor abriu o placar aos 27 minutos do primeiro tempo, com Renato que, depois de jogada de Diego, recebeu cruzamento e testou firme para o fundo das redes. Na segunda etapa, em cobrança de penalidade, aos 24, Kelvin não desperdiçou. Aos 45, Packer, recebendo de Bruninho, deu números finais à contagem.

Na próxima fase, o Paraná Clube encara o vencedor do duelo entre River Plate-SE e Botafogo. No primeiro confronto entre as equipes, nesta quarta-feira, o time sergipano levou a melhor, adiando a decisão.

O jogo 

Tentando a primeira vitória oficial na temporada, na estreia do técnico Ricardo Pinto, o Tricolor começou a partida já com domínio das ações. Aos cinco minutos, Diego invadiu a área, arrematou para grande defesa de Santos. Tentando apoiar mais, Packer chegou em velocidade e buscou o lançamento fechado, direto pela linha de fundo. A ansiedade fazia o time da casa errar muitos passes.

Packer continuava aparecendo bem, mas continuava pecando na hora do arremate, como aos 13 minutos, quando recebeu com liberdade e chutou por cima da meta. Outra boa oportunidade paranista aos 19, com Kelvin, que cabeceou e viu a defesa salvar em cima da linha. Até que, aos 27 minutos, Diego fez a jogada e levantou para Renato, que cabeceou certeiro para o fundo das redes.

O domínio era total do Paraná que, no entanto, não conseguia ampliar a vantagem. Aos 34 minutos, Paulo Henrique levantou a cabeça e encontrou Packer, que abriu espaço e mandou o petardo, que explodiu na trave. Kelvin partiu para a jogada individual, invadiu a área, aos 38, e rolou para Packer, que perdeu para Madeira. Em uma rara chegada do Gurupi, aos 43 minutos, Leivinha cobrou falta, sem perigo.

Depois do intervalo, o Tricolor continuou com passe de bola, mas menos ofensivo, com a falta de criatividade do meio campo. Aos quatro minutos, Henrique fez o levantamento fechado e Madeira afastou. Aos dez, em cobrança de bola parada, Henrique fez o levantamento e isolou a bola. O ritmo da partiu caiu e os treinadores começaram a queimar as substituições.

No meio do marasmo que se tornou o jogo, aos 23 minutos Kelvin fez a jogada individual e foi derrubado na área por Madeira. Pênalti. Na cobrança, a revelação paranista balançou as redes. Aos 31, Maicon fez fila, foi derrubado e o árbitro mandou seguir. O Gurupi já não tinha mais poder de reação. Aos 45 minutos, Bruninho fez a assistência e Packer chegou batendo para fechar a contagem.

Leia tudo sobre: ParanáCopa do Brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG