Tamanho do texto

"Neste momento, o Barcelona é melhor que o Real Madrid", declarou o meia depois do empate no Camp Nou

Depois de dois jogos em que a rivalidade esteve em alta, e os ânimos, à flor da pele, o Barcelona conseguiu eliminar o Real Madrid e se classificar para a final da Liga dos Campeões, o que, para o meia Xavi Hernandez, do time catalão, foi um fim justo para a maratona de quatro clássicos em pouco mais de duas semanas.

"É um grande dia para o Barça, estamos felizes, fomos superiores ao Real Madrid. Foi feita justiça futebolística, avançou o melhor time. Neste momento, o Barcelona é melhor que o Real Madrid", declarou o meia espanhol após o empate em 1 a 1 desta quarta-feira, no estádio Camp Nou. Xavi evitou criticar a forma dura e defensiva como o rival atuou nos clássicos e procurou exaltar o futebol de toque de bola e voltado para o ataque do Barcelona.

"A filosofia do clube não nos permitiria jogar como o Real Madrid , já que levamos trinta anos jogando de uma maneira ofensiva, alegre e bonita para o espectador", comentou o meia da seleção espanhola. Ao falar da decisão do próximo dia 28, no estádio Wembley, Xavi deixou de lado a possibilidade de o Schalke 04 reverter nesta quarta-feira, no Old Trafford, a derrota por 2 a 0 sofrida para o Manchester United no jogo de ida, em casa, e já deu declarações considerando o time do técnico Alex Ferguson o adversário.

"O Manchester é uma grande equipe, e a final será muito bonita. A priori, eles são os favoritos", finalizou o jogador de 31 anos, terceiro colocado do prêmio Bola de Ouro da Fifa entregue neste ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.