Técnico do Corinthians sugere que vagas na Libertadores e rebaixados se definam por média dos últimos anos

O técnico do Corinthians não ficou plenamente satisfeito com a mudança na tabela do Campeonato Brasileiro. Os clássicos regionais agora estão reservados à última rodada da competição, para evitar suspeitas de entregas de resultados, como aconteceu no ano passado.

"Essa medida ameniza um problema, mas não é solução", comentou Tite, apesar de ter gostado do fato de a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tomar uma atitude. "Eles enxergaram tudo aquilo que a gente vê e não tem condições de comprovar."

Em 2010, o campeão Fluminense teve pela frente São Paulo e Palmeiras nas últimas rodadas do Brasileiro. Os rivais do Corinthians, que brigava pelo título na época, acabaram derrotados pelo time carioca.

Para Tite, o Campeonato Brasileiro deveria aproveitar uma fórmula já utilizada na Argentina, onde classificados para a Copa Libertadores da América e rebaixados são definidos pela média de desempenho nas últimas temporadas. "Seria a solução. Não devemos usar para definir o campeão, e sim para preencher as vagas em outros torneios e para o descenso", sugeriu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.