Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para técnico, o Duque de Caxias não pode tropeçar na Taça Rio

Arthur Bernardes admitiu o favoritismo de Flamengo e Vasco, mas quer a classificação dessa vez

Gazeta |

Após não se classificar para as semifinais da Taça Guanabara, o Duque de Caxias começa a se preparar para a Taça Rio. O clube estreia no torneio apenas dia três de março, às 16 horas (de Brasília), contra o Americano, em Xerém, mas já começo a fazer planos para o torneio.

Para o técnico do Duque, Arthur Bernardes, a equipe não poderá vacilar no segundo turno do Carioca, pois um tropeço pode significar a não classificação do time. Arthur também analisou os adversários que a equipe terá na Taça Rio. Nesta fase, o Duque de Caxias, que faz parte do Grupo B, enfrentará as equipes do Grupo A.

"A Taça Rio será muito complicada e por isso estamos trabalhando forte. Não podemos desconcentrar porque todos os times são perigosos e mostraram isso na Taça Guanabara. O Resende, Boavista e Nova Iguaçu lutaram até o fim por uma vaga nas finais e fizeram grandes jogos contra o Fluminense e Botafogo. Volta Redonda, Americano e América vão em busca da reabilitação na competição. Sem esquecer do Flamengo e do Vasco, que são os favoritos", analizou.

Enquanto se prepara para a nova fase no Estadual, o elenco do Duque sofreu três baixas: o lateral Jorginho Paulista, o meia Zé Augusto e o atacante Leandrinho acertaram a saída do time carioca para Ceilândia-DF, Resende e Boavista, respectivamente.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG