Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para se comunicar com o banco, Mourinho pode ver jogo do hotel

Português pode ver jogo de seu quarto, onde não poderia ser incomodado por nenhum delegado da Uefa

Gazeta |

Suspenso pela Uefa (União das Federações Europeias de Futebol) por ter sido expulso no jogo de ida , o técnico do Real Madrid , José Mourinho, não poderá ficar no banco de reservas dando instruções a seus jogadores na partida diante do Barcelona , nesta terça-feira. Para não ser repreendido por oficiais da Uefa quando fala com seu assistente técnico (Aitor Karanka), ele pode até ficar no hotel assistindo o duelo.

Por ter sido expulso, a entidade máxima do futebol europeu proíbe o português de ficar no banco e até de fazer ligações a Karanka durante a partida. O normal seria que ele assistisse ao duelo do estádio, em um local reservado para autoridades, onde poderia ser observado por oficiais da Uefa. Entretanto, isto impossibilitaria sua participação direta na partida.

De acordo com o jornal "Marca", da Espanha, estas circunstâncias já fazem com que o técnico cogite a ideia de permanecer no hotel em que o time está concentrado, vendo o jogo de seu quarto, onde não poderia ser incomodado por nenhum delegado da confederação ao tentar se comunicar com Karanka.

Além de não poder ficar no banco ou se comunicar com seus comandados, Mourinho não pode ir ao vestiário no intervalo e, após o jogo, só pode ficar, no máximo, 15 minutos com a equipe.

Leia tudo sobre: Futebol MundialEspanhaReal MadridJosé MourinhoUefa

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG