Tamanho do texto

Meia diz que conversa no vestiário, depois do jogo com o Ceará, uniu ainda mais jogadores e o treinador

O abatimento de Cuca no final da partida entre Atlético-MG e Ceará era evidente. Tanto que o treinador atleticano sequer foi para o vestiário, ficando por alguns minutos no banco de reservas, olhando para o campo, lembrando e lamentando as várias oportunidades perdidas por sua equipe. O desânimo do treinador foi percebido pelos jogadores atleticanos, logo que Cuca entrou no vestiário. Foi então que os jogadores manifestaram seu apoio ao técnico.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

Assim que chegou ao vestiário, Cuca foi recebido por todos os jogadores que mostraram o desejo pela permanência do treinador. Tanto que o apoio dos atletas foi determinante na decisão do treinador, que descartou deixar o Atlético-MG antes do final do Brasileirão . “Não é o momento de ter uma troca agora, a gente sabe que com a saída do Cuca a situação ficaria ainda mais complicada. Lógico que tivemos uma conversa no vestiário, nós jogadores pedimos para que ele não fizesse isso (deixar o clube), que pudesse ficar”, disse o meia Renan Oliveira , que ressaltou o trabalho feito por Cuca na Cidade do Galo.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

“Nesse momento ele é muito importante, levantou o ânimo do grupo quando chegou e estamos praticamente adaptados ao trabalho dele. Infelizmente a bola não está entrando, vários jogos que temos jogado melhor do que o adversário e não vencemos”.

Cuca conversa mais uma vez com os jogadores, antes do treino do Atlético-MG, nesta terça
Flickr/Clube Atlético Mineiro
Cuca conversa mais uma vez com os jogadores, antes do treino do Atlético-MG, nesta terça
Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

No entanto o aproveitamento de Cuca no comando do Atlético-MG não é nada animador. Em partidas no comando da equipe atleticano, Cuca conseguiu apenas três vitórias, além de dois empates e nove derrotas. Na opinião de Renan Oliveira, o time tem pecado nas conclusões, já que não conseguiu vencer algumas partidas mesmo tendo atuado melhor do que o adversário.

Mas diante de tudo o que ocorreu na Arena do Jacaré, nesse domingo, Renan Oliveira acredita que o Atlético-MG está ainda mais forte para lutar contra o rebaixamento . “O futebol é assim, temos de fazer os gols para sair com a vitória. Eu não acho que seria uma boa para que ele saísse, então a conversa no vestiário foi mais para um ânimo, o grupo mostrando que está com o treinador e o treinador mostrando que está com o grupo. Então a conversa só fortaleceu a gente’.