Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para Ramon, PC Gusmão não deve ser demitido do Vasco

Lateral nega que elenco esteja fazendo "corpo mole" para derrubar o treinador. Time já perdeu duas no Carioca

Gazeta |

O clima em São Januário não poderia ser pior. Após a derrota para o Nova Iguaçu por 3 a 2, no último domingo, os jogadores do Vasco se reapresentaram na manhã desta segunda-feira e mostraram preocupação. Um dos poucos a falar com a imprensa, o lateral Ramon nega que os últimos resultados negativos representem uma vergonha para o clube.

"Vergonha seria se estivéssemos lutando pra não cair pra Série B. Não é vergonha, mas sim um sinal de alerta. Nunca iniciamos uma competição perdendo dois jogos e o sinal vermelho está ligado. Temos que ter os pés no chão e trabalhar pra fazer as coisas com mais disposição", disse o atleta, negando uma possível falta de empenho da equipe.

"Falar que a gente não se empenhou é mentira, até porque estávamos perdendo de 2 a 0 e empatamos a partida. O problema é que em uma falha acabamos tomando mais um gol".

Ramon não acredita na demissão de PC Gusmão e descarta a possibilidade dos jogadores estarem fazendo corpo mole para que a comissão técnica seja trocada.

"Acompanhei algumas coisas (sobre a possível saída de PC) com a imprensa, mas tudo sem sentido. O clima com o PC é bom. Se algum jogador estiver de corpo mole pra derrubar o técnico, pode ter certeza que ele vai arrumar confusão. Isso é falta de profissionalismo, de caráter. É claro que deve haver uma mudança, mas não na comissão técnica, e sim na nossa postura. Devemos treinar mais, nos concentrar mais e jogar melhor", finalizou.

Leia tudo sobre: VascoCampeonato Carioca 2011PC GusmãoRamon

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG