Tamanho do texto

"É melhor jogar um Ba-Vi do que cinco jogos contra os outros times", disse Gabriel, empolgado com a chance

O técnico Rogério Lourenço aposta em uma revelação da base para fazer dupla com Souza no ataque do Bahia, no clássico deste domingo. O meia-atacante Gabriel, de 21 anos, treinou entre os titulares e deve figurar na equipe que enfrenta o Vitória no Barradão.

O jovem nunca foi considerado um dos destaques dos times juniores, mas tem chamado a atenção nos treinos pelo profissional e ganhou, na última terça-feira, elogios do presidente Marcelo Guimarães Filho que revelou que o garoto poderia ser a surpresa no Ba-Vi.

"Um jogo como esse ninguém quer perder, né? É melhor jogar um Ba-Vi do que cinco jogos contra os outros times. O professor ainda não definiu nada e Pedro é um grande jogador, mas estou preparado e disposto", declarou Gabriel.

Caso decida por uma formação mais ofensiva, com dois atacantes de área, Rogério Lourenço pode manter Pedro Beda que não foi bem no jogo do último domingo, na derrota para o Fluminense de Feira.

"Em todos os clubes existe esse tipo de disputa, o que deixa todo mundo sempre ligado. Caso o Rogério me escolha, estou pronto para ajudar. Para mim, jogar ao lado de um atacante como Souza facilita, por que jogo mais solto, do jeito que eu gosto", informou Beda.