Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para Jefferson, clássico carioca pode ser decidido pelos goleiros

Botafogo e Vasco possuem os dois melhores ataques da Taça Rio e arqueiros podem fazer a diferença

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

Os ataques de Botafogo e Vasco vêm correspondendo bem às expectativas de suas torcidas na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Ambos marcaram nove gols em três partidas e lideram as estatísticas. Por isso, Jefferson, pelo Botafogo, e Fernando Prass, pelo Vasco, terão a missão de parar o adversário no próximo domingo. Para o jogador do Botafogo, os goleiros podem definir o clássico carioca.

"Numa partida difícil, com certeza os goleiros podem fazer a diferença. Sempre agradeço pelo reconhecimento de todas as pessoas pelo meu trabalho aqui, mas também não podemos esquecer dos outros goleiros aqui do Rio. Isso é bom para o estado, melhora a qualidade dos clássicos. O Prass é um grande goleiro e tenho certeza que vai ser um grande jogo", declarou Jefferson.

Apesar do reconhecimento, - o jogador foi convocado para o amistoso da seleção brasileira contra a Escócia, no dia 27 de março - Jefferson divide os méritos da defesa com todos os jogadores. A equipe não leva um gol há duas partidas, fato comemorado pelo goleiro. "A gente vinha conversando bastante sobre essa meta de dois jogos sem levar gol. É importante para os jogadores ali atrás, enfrentar um clássico com as coisas bem organizadas, com segurança", disse o goleiro,

Jefferson também comentou a evolução do Vasco no campeonato. Na Taça Guanabara,  a equipe de São Januário terminou na quinta colocação, com apenas sete pontos. Agora, com a chegada do técnico Ricardo Gomes, o time é o segundo colocado do grupo B da Taça Rio. Evolução que preocupa o Botafogo.

"É um Vasco totalmente diferente do que foi no primeiro turno. Eles tiveram a mudança de treinador, apresentaram uma grande evolução. Mas independentemente do que aconteceu na Taça Guanabara, tem que respeitar a equipe deles. A gente sabe que um clássico é decidido nos erros e temos que ter total atenção", finalizou Jefferson.

Leia tudo sobre: botafogocampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG