Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para Gum, Fluminense já provou que sabe jogar sob pressão

Zagueiro lembra que assim como na arrancada contra o rebaixamento em 2009, Fluminense entrou na reta final em 2010 sem poder perder

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237854335295&_c_=MiGComponente_C

Um dos símbolos do time de guerreiros, se não o maior, Gum acredita que a arrancada contra o rebaixamento no ano passado foi um dos pilares para a construção da equipe que está a uma vitória do bicampeonato brasileiro. Apesar de brigarem em lados completamente opostos da tabela, as equipes comandadas por Cuca e Muricy Ramalho, além do espírito guerreiro, têm em comum o fato de terem entrado nas retas decisivas de 2009 e 2010 sob pressão.

Acho que esse grupo se acostumou a jogar sob pressão. Seja no momento ruim, como no momento bom. Se no ano passado escapamos do rebaixamento na última rodada, este ano podemos gritar campeão também no último jogo. Mas isso só comprova que nosso time cresce muito na hora decisiva, afirmou o zagueiro.

Concentrado, Gum mostra tranquilidade

Um dos responsáveis pelo Fluminense ter a melhor defesa da competição, Gum acredita que não é hora de mudar nada e afirma que não está ansioso para o jogo de domingo.

Eu acho que devemos fazer tudo como foi feito até agora. Não é hora de inventar nada. Estou particularmente estou muito tranquilo. Participar de uma campanha vitoriosa como essa marca o jogador e nos coloca para sempre na história do Fluminense. Ainda não ganhamos nada, mas sabemos que esse título vai nos dar mais motivação ainda para brigar pela Libertadores em 2011. Termos um grande treinador e um grupo muito forte, disse Gum, que antes de encerrar a entrevista coletiva levantou uma boa questão.

Eu posso estar enganado, mas não me lembro de um time quase rebaixado em um ano conquistar o título na temporada seguinte, indagou o jogador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG