Treinador gostou da postura do time na vitória diante do América-MG, mas sabe que pressão ainda é grande

O técnico Dorival Júnior estava aliviado depois da vitória do seu time no clássico mineiro . O treinador do Atlético-MG acredita que o time voltou a jogar bem depois das três derrotas seguidas, mas ressaltou que a equipe ainda precisa evoluir muito se quiser maiores objetivos no Brasileirão.

Siga o iG Atlético-MG no Twitter e receba todas as informações do seu time

Dorival Júnior elogiou a atuação de sua equipe no primeiro tempo. "Tivemos um grande primeiro tempo, criamos inúmeras chances, um jogo consistente. No segundo, o América-MG se abriu. Em razão dessa mudança deles, sofremos alguma pressão normal. Mas fomos muito equilibrados", analisou o treinador atleticano.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

O treinador não soube explicar porque o time foi tão diferente no clássico em relação aos últimos jogos. "Difícil explicar. É impossível que um time que não vinha vencendo mas estava se apresentando bem, de repente ter três atuações como tivemos (contra Flamengo, Internacional e Ceará). Era impossível um time desaprender de jogar futebol. Tivemos dificuldades em razão da sequência de empates e essas três derrotas. Isso criou um complicador. Mas hoje voltamos à normalidade. Espero que possamos seguir assim para uma boa campanha", disse o treinador.

Mais tranquilo depois do resultado, Dorival revelou que os momentos que passou nos últimos dias foram os piores dos últimos anos de sua carreira. "Que foi o pior momento à frente do Atlético-MG eu não tenho duvidas, até dos últimos anos da minha carreira. Mas confio no que estamos fazendo. Sei que é um momento turbulento, não passou por causa desse resultado. Temos que estar sempre alertas", ponderou Dorival.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.