Tamanho do texto

Técnico Roberto Fonseca não poderá contar com meia Wellington e zagueiros Amarildo e deve usar o 3-5-2

O Paraná Clube poderá ter um esquema tático diferente neste sábado, quando o time enfrenta o Criciúma , em Santa Catarina, pela 12ª rodada do Brasileirão da Série B.

Sem contar com o meia Wellington e o zagueiro Amarildo, o técnico Roberto Fonseca estuda uma nova formação. Os dois jogadores foram vetados pelo departamento médico paranista e estão fora do jogo.

Entre para a Torcida Virtual do Paraná e convide seus amigos

Com isso, o time passaria para o 3-5-2, com Cris, Luciano Castán e Brinner formando o trio defensivo. Já no meio, Cambará volta à equipe paranaense e deve ficar responsável pela armação, função desempenhada por Wellington.

"Não somos apenas 11. Temos um grupo. Todos que entram estão correspondendo à altura, mostrando que temos boas opções", disse Cambará.

O Paraná Clube é o terceiro colocado na tabela de classificação, com 20 pontos, três a menos que os líderes Portuguesa e Ponte Preta, que também jogam no sábado.