Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeirenses organizam novo movimento pelas eleições diretas

Conselheiros e sócios querem aumentar colégio eleitoral para a escolha do presidente do clube

iG São Paulo |

Sócios e conselheiros do Palmeiras organizam um novo movimento para defender as "Diretas Já" no clube. Com o intuito de que a votação para o próximo presidente deixe de ser concentrada apenas nos cerca de 300 conselheiros, torcedores devem comparecer a partir das 10h (de Brasília) deste sábado, dia 10 de dezembro, em frente à antiga entrada do Palestra Itália, na Rua Turiassú.

nullA manifestação está sendo divulgada via rede social e é a segunda em cerca de dois meses. No dia 24 de outubro, quando conselheiros tinham reunião marcada na Academia de Futebol, um grande grupo compareceu no local e fez uma manifestação pacífica pelo mesmo motivo. Até um vídeo está sendo espalhado no YouTube.

Veja também: Palmeiras é lanterna na valorização dos clubes que ficaram na Série A

Na "gaveta" do presidente do Conselho Deliberativo, José Vergamini, já há uma requisição feita por 81 conselheiros para que a mudança no estatuto aconteça. O detalhe é que a legislação do clube não prevê tempo mínimo para que a votação para a aprovação da alteração aconteça. Ou seja, como não é do interesse do grupo político de Vergamini, a mudança não deve ocorrer tão cedo por vontade própria.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

Por isso, conselheiros já entraram na Justiça Comum para obrigar Vergamini a convocar as eleições. Nos próximos dias, os advogados rebaterão a defesa elaborada pelos advogados do Palmeiras. Assim que definida como obrigatória pelo juiz, Vergamini terá 15 dias para convocar a mudança estatutária.

Confira as fotos do primeiro manifesto, organizado em outubro:

Leia tudo sobre: palmeirasdiretas já

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG