Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeiras usa Fluminense de exemplo e pede atenção contra o Goiás pela Sul-Americana

Time goiano briga contra o rebaixamento e arrancou empate contra um dos líderes do Brasileiro no último domingo

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

O empate por 1 a 1 entre Goiás e Fluminense no último domingo virou exemplo no Palmeiras. Apesar de estar lutando contra o rebaixamento no Brasileiro, o time goiano dificultou a vida dos cariocas, que brigam pelo título. O resultado ainda tirou a liderança dos comandados de Muricy Ramalho.

Justamente por isso, cada detalhe pode ser perigoso jogando no Serra Dourada pela semifinal da Sul-Americana nesta quarta-feira. É o que avisa Marcos Assunção.

"O Goiás está jogando com todos os titulares e não está poupando jogadores como fez o Atlético-MG. Vai ser difícil, vimos a partida contra o Fluminense. O gramado de lá está bom, mas está alto e temos de ter bastante atenção. Respeitamos muito a equipe do Goiás, mas é uma semifinal de Sul-Americana e queremos muito vencer", disse Marcos Assunção.

A preocupação com o Goiás também se estende a Maurício Ramos. O zagueiro pede atenção com as armas que o time do centro-oeste brasileiro pode apresentar jogando em casa.

"Infelizmente, no Brasileirão eles não estão bem e esse é o campeonato deles. Nós não temos chances de ser campeão no Brasileiro e esse é o jogo da nossa vida. O Goiás vem em uma motivação muito grande. Um dia eles querem estar aqui [Palmeiras] também. Esse é o jogo da vida para os dois times", afirmou o zagueiro.

Leia tudo sobre: copa sul-americanafutebolgoiáspalmeiras

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG