Tamanho do texto

Novo vínculo do meia é válido até março de 2015. Contra a Ponte, ele deve ficar na reserva

Patrik deve começar a partida contra a Ponte Preta no banco de reservas
Futura Press
Patrik deve começar a partida contra a Ponte Preta no banco de reservas
O meia-atacante Patrik recebeu um reajuste salarial e teve seu vínculo com o Palmeiras prorrogado até março de 2015. O antigo contrato do jogador com a equipe do Palestra Itália era válido até março de 2014.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Está renovado. Todos os dias têm jogador que renova, isso é normal de qualquer clube. É uma prorrogação de contrato em vigência", comentou o vice-presidente de futebol palmeirense, Roberto Frizzo, em contato por telefone.

Leia mais: Sonnen mantém imagem de palmeirense e pede eleições diretas

Patrik não é titular da equipe do técnico Luiz Felipe Scolari, mas com frequência recebe oportunidades. Na estreia da Copa do Brasil, por exemplo, contra o Coruripe, o jogador iniciou a partida jogando por conta da ausência de João Vitor. Com a vitória de 1 a 0, o Palmeiras não conseguiu eliminar a partida da volta.

Veja também: Após vitória magra, Felipão vê "início campeão" na Copa do Brasil

No entanto, neste sábado à noite, o atleta deve voltar à reserva no duelo contra a Ponte Preta, válido pela 14ª rodada do Campeonato Paulista. Na vice-liderança da competição, o Palmeiras está apenas um ponto atrás do Corinthians, que joga no domingo, contra o Comercial.

Entre para a torcida virtual do Palmeiras: