Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeiras faz reunião para evitar paralisação da obra da Arena

Promessa é que o novo estádio estará pronto entre o fim de 2012 e os meses iniciais de 2013, e poderá ser utilizado até na Copa das Confederações 2013

Gazeta Esportiva |

A diretoria do Palmeiras trabalha para fugir de mais atrasos no processo de reformulação do Palestra Itália. Nesta quarta-feira, o Conselho Gestor do clube paulista vai se reunir com os representantes da WTorre, empresa responsável pelas reformas do estádio, para definir os problemas do seguro já existente da obra. 

Alguns itens da documentação devem ser modificados até o dia 15 de novembro. Caso o contrário, segundo consta no próprio contrato entre Palmeiras e WTorre, a reforma será paralisada.

A principal discussão é que o Palmeiras quer ser o beneficiário caso ocorra algum imprevisto nas reformas. Atualmente, o Banco do Brasil, um dos responsáveis pelo dinheiro do projeto, ocupa essa condição.

Nesta semana, o COF (Conselho de Orientação e Fiscalização) do Palmeiras homologou uma carta pedindo esclarecimentos da relação entre o clube e a WTorre e até a interrupção das obras. O documento será enviado diretamente ao presidente Salvador Hugo Palaia. 

No momento, o Palestra Itália é alvo de demolições. A promessa da WTorre é que a nova arena estará pronta entre o fim de 2012 e os meses iniciais de 2013 e poderá ser utilizada até na Copa das Confederações.

Leia tudo sobre: palmeiras

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG