Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeiras bate o Figueirense e desencanta fora de casa

Com gol de Maurício Ramos, time de Luiz Felipe Scolari volta ao G4 após somar três pontos em Florianópolis

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

nullO Palmeiras sofreu, mas finalmente venceu a sua 1ª partida fora de casa no Campeonato Brasileiro. Com um gol de Maurício Ramos , o time de Luiz Felipe Scolari venceu o Figueirense por 1 a 0 após dominar quase todo o jogo, colocar a bola duas vezes na trave e ter um gol anulado. O grande problema é que o time paulista quase não tentava finalizar e exigiu pouco de Wilson .

Agora, o Palmeiras vai a 22 pontos e volta a ficar na 4ª colocação, com seis pontos a menos que o líder Corinthians, que tem um jogo a menos. O Figueirense, que perdeu a sua 1ª dentro de casa, segue na 9ª colocação, com 16 pontos.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

O jogo ficou marcado pelas excessivas tentativas do Palmeiras de atacar pelo meio, esquecendo de usar as laterais. Cicinho, por exemplo, quase não trabalhou. E as tentativas pelo meio ficavam ainda mais sem sentido quando Wellington Paulista pouco funcionava.

No segundo tempo, Valdivia saiu e João Vítor melhorou a movimentação no meio de campo. Luan, pela esquerda, entrou no lugar de Wellington Paulista, mas quase não melhorou o jogo.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras encara o Atlético-MG, no sábado, às 21h, no Canindé, sem contar com Márcio Araújo e Kleber, suspensos. Já o Figueirense joga contra o Bahia, fora de casa, no domingo, às 18h30, sem poder escalar Maicon.

O jogo
O Palmeiras começou bem melhor do que o Figueirense no jogo. Trocando passes e acionando principalmente as tabelas entre Wellington Paulista, Kleber e Valdivia, o time de Luiz Felipe Scolari dominou o início do jogo. Logo no início, o camisa 30 sobrou cara a cara com Wilson, mas acabou errando o chute de canhota.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

Aos 14 minutos, Kleber perdeu outro gol, dessa vez com a bola triscando na trave. Aos 23, quando ele finalmente desencataria, o bandeirinha marcou um impedimento inexistente. O atacante aproveitou reboute após desvio na pequena área e abriria o placar se o auxiliar não tivesse errado no lance. A primeira boa chance do Figueirense aconteceu aos 27, com Aloísio cara a cara, mas Deola abafou muito bem e manteve o zero no placar.

Nos últimos minutos, o jogo passou a ficar com mais faltas do que com jogadas bonitas. Até Thiago Heleno fez duas faltas passíveis de cartões amarelos, mas recebeu apenas um deles e ficou pendurado para o resto do jogo.

No 2º tempo, o Palmeiras seguiu melhor. Aos 9 minutos, Maikon Leite recebeu passe de Kleber, driblou um adversário e chutou cruzado. A bola parou na trave esquerda de Wilson. Valdivia estava sumido e, por isso, foi substituído por João Vítor. O volante entrou e, na sua primeira jogada, colocou Maikon Leite cara a cara com Wilson. O goleiro fez boa defesa.

O jogo seguiu com a mesma tônica. O Palmeiras dominando, trocando passes na intermediária, mas sem conseguir conclusão a gol. As duas melhores chances saíram dos pés de Marcos Assunção. Em uma, ele bateu falta de bem longe da área e, na outra, chutou de fora. As duas pararam em Wilson. Felipão ainda colocou Luan no lugar de Wellington Paulista para tentar mudar a história do jogo, mas não adiantou.

Quem fez o zero sair do placar foi Maurício Ramos. Ele disputou a bola com Wilson após cruzamento de Marcos Assunção e tocou de peito para abir o placar. Era o gol do primeiro triunfo palmeirense fora de casa neste Nacional.

FICHA TÉCNICA – FIGUEIRENSE 0 X 1 PALMEIRAS

Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Hora: 21h50 (de Brasília)
Data: 27 de julho de 2011
Árbitro: Alicio Pena Júnior (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Fabrício Vilarinho da Silva (GO)
Cartões amarelos: Thiago Heleno, Gerley, Marcos Assunção, Márcio Araújo e Kleber (PAL) Ygor e Maicon (FIG)

GOL
PALMEIRAS
: Maurício Ramos, aos 37 minutos do 2º tempo

FIGUEIRENSE: Wilson; Pablo (Coutinho), João Paulo, Edson Silva e Juninho; Ygor, Túlio, Maicon (Rhayner) e Fernandes; Heber (Elias) e Aloísio
Técnico: Jorginho

PALMEIRAS: Deola; Cicinho, Maurício Ramos, Thiago Heleno e Gerley; Márcio Araújo, Marcos Assunção e Valdivia (João Vítor); Maikon Leite (Chico) e Kleber; Wellington Paulista (Luan)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Leia tudo sobre: palmeirasfigueirensebrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG