Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeiras aposta na conversa após perder status de melhor defesa

Clube tem o segundo melhor índice defensivo deste Brasileirão, com 32 gols sofridos, contra 31 do rival Corinthians

Gazeta |

A solidez da defesa era motivo de orgulho no Palmeiras mesmo em momentos de crise. Antigo dono da zaga menos vazada em boa parte do Campeonato Brasileiro, o time perdeu o posto justamente para o rival Corinthians, na rodada passada da competição. Agora, os jogadores apostam na conversa em busca da reorganização da equipe.

"Se estamos perdendo os jogos, consequentemente tomamos os gols e não temos mais a menos vazada. Está faltando atenção e precisamos entrar no jogo mais ligados. Agora, é decisão para que isso não aconteça mais", avaliou o lateral- direito Cicinho.

LEIA TAMBÉM: Fotos de traição colocam fim ao casamento de Valdivia, diz jornal

O jogador já tomou a iniciativa de conversar com os colegas de clube para tentar encontrar a solução para a má fase do Palmeiras nesta reta final do Brasileirão.

"É inexplicável e eu estava até conversando com os meninos, porque nós vínhamos muito bem, até quando perdíamos. Agora, parece que estamos correndo e que sempre sobra adversário. Falei ontem (terça) com o Chico que tinha alguma coisa errada, não estava legal. Vamos procurar ver o que tem de errado para melhorar o mais rápido possível", afirmou Cicinho, que procurou outro atleta também para dialogar.

"Se de alguma maneira não está dando certo, temos de entender o motivo. O Maurício estava aqui (na Academia de Futebol) e conversei com ele também", completou o lateral direito.

E AINDA: Palmeiras esquece futebol e sofre com problemas 'de condomínio'

No momento, o Palmeiras tem o segundo melhor índice defensivo deste Brasileirão, com 32 gols sofridos, enquanto o Corinthians sofreu 31. O zagueiro Henrique alerta que a culpa na piora dos números não é só da defesa.

"Estamos tomando gol, mas, quando era a melhor, dizíamos que não era só a defesa, porque defendiam os 11 e atacavam os 11. O melhor é defesa e ataque juntos. Às vezes, na bola parada, não depende só dos zagueiros. Quando faz gol, também não são só os atacantes. Não temos de culpar um ou outro. É o momento de se unir para consertar os erros e não tomar mais", salientou o defensor.

Sem vencer há seis jogos no Brasileirão, o Palmeiras caiu para o 13º lugar na classificação, com 41 pontos.

Leia tudo sobre: palmeirasbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG